câmbio:

DÓLAR R$ 3.7975 EURO R$ 4.4609

Tempo, natal:

25°C

Geral

PERIGO

12/07/2018

17:00

Com ameaça de desabamento, prédio da STTU é interditado

Defesa Civil identificou desgaste na estrutura, além das chuvas, e interditou parte do imóvel

Por Redação

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), informa que o prédio sede da STTU, que fica na Rua Almino Afonso, 44, Ribeira, foi parcialmente interditado pela Defesa Civil Municipal nesta quinta-feira (12).

De acordo com a avaliação, o teto ameaça desabar devido ao desgaste da estrutura e as fortes chuvas que caem na capital. Com isso, os departamentos de Engenharia de Trânsito, Planejamento e Estudos e Projetos estão com o funcionamento prejudicado.

Diante disso, a STTU já providenciou a escora da região do teto que ameaça desabar e, após isso, a Defesa Civil irá reavaliar a situação. Também já está sendo providenciado a locação de um imóvel para transferir as atividades realizadas no prédio sede e um projeto de reforma da estrutura.

A pasta informa ainda que as atividades de Fiscalização e atendimento ao usuário não serão prejudicadas, haja vista que essas funcionam em outros imóveis.

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

últimas notícias

+ Lidas

recomendamos

comentários

Ao comentar, o leitor concorda com nossas regras e política de privacidade. Veja aqui

O espaço de comentários do Portal no AR pode ser moderado. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. anônimas ou assinadas com e-mail falso;
8. fora do contexto do portal.

O Portal no AR:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;
3. não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros.
4. se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.