câmbio:

DÓLAR R$ 3.2113 EURO R$ 3.7722

Tempo, natal:

26°C

Brasil e Mundo

Rocinha

23/09/2017

07:33

Delegado pede que traficantes encurralados se entreguem

Cerco acua bandidos

Por Redação

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

delegado Antônio Ricardo Lima Nunes, titular da 11º Delegacia de Polícia, que abrange a Rocinha, fez um apelo, na noite desta sexta-feira (22), para os traficantes que estão na comunidade se entregarem. Ele disse que os integrantes da facção liderada por Rogério 157 estão encurralados no alto do morro, em uma região conhecida como Vila Verde.

“Eu faço um apelo aos marginais que quiserem se entregar. Eles devem procurar os agentes das forças de segurança, podem vir à delegacia, podem mandar os familiares, que terão todo o tratamento digno e serão encaminhados à Justiça. Aqui, nós não queremos fazer justiçamento. Queremos buscar a verdade dos fatos e eles também têm direitos. Na delegacia, os seus direitos constitucionais serão preservados”, declarou o delegado.

Lima Nunes adiantou que estão sendo pedidos mandados de busca coletivos setorizados, divididos por regiões da Rocinha, a fim de tentar prender os traficantes que promoveram uma troca de tiros no último domingo (17) com rivais da facção de Antônio Lopes Bonfim, o Nem, que está preso na Penitenciária Federal de Porto Velho (RO).

“Nós vamos pedir ao Poder Judiciário que conceda busca e apreensão em residências e áreas conflagradas. Em cima disso, vamos prender outros indivíduos e apreender armas”, disse o delegado. Ele informou que 27 criminosos já estão identificados, sendo que 11 já estão com mandados de prisão expedidos pela Justiça.

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

últimas notícias

+ Lidas

recomendamos

comentários

Ao comentar, o leitor concorda com nossas regras e política de privacidade. Veja aqui

O espaço de comentários do Portal no AR pode ser moderado. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. anônimas ou assinadas com e-mail falso;
8. fora do contexto do portal.

O Portal no AR:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;
3. não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros.
4. se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.