câmbio:

DÓLAR R$ 3.1715 EURO R$ 3.7360

Tempo, natal:

25°C

Gente no AR

NÃO TÁ FÁCIL

11/10/2017

17:14

Devendo a Deus e o mundo, Belo é chamado de caloteiro por vigilante

A assessoria de Belo contesta o contrário acerca das declarações do vigia.

Por Raul Saraiva

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

Se as coisas estão difíceis para nós, imagine para o Belo, que deve a Deus e o mundo. Com dívidas do aluguel pendentes, cujo valor mensal é avaliado em R$ 30 mil, o pagodeiro está com má fama, tanto que foi chamado de caloteiro por um vigilante que trabalhou para ele.

Em entrevista ao Uol, o segurança Manoel Apolinário contou que o marido de Gracyanne lhe deve dinheiro. Inclusive, ele disse que está arrependido de ter trabalhado para o cantor.

“O cara quer dar calote em todo mundo. Assim não dá. Ele veio morar aqui e disse que iria colaborar com a gente. Passou o primeiro, o segundo mês e ele acertou com a gente, mas menos do que ela [a proprietária] pagava. A gente aceitou. Daí para frente, não pagou mais”, contou.

Chateado, Manoel ainda chegou a cobrar a dívida, mas foi em vão.  “Eu comecei a falar com ele: ‘E aí Belo, acabou o mês. Ele dizia: ‘Vou acertar… É porque estou me mudando’. Isso faz mais de seis meses. Daí, nunca mais colaborou com a gente”, lamentou.

A assessoria de Belo contesta o contrário acerca das declarações do vigia.

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

últimas notícias

+ Lidas

recomendamos

comentários

Ao comentar, o leitor concorda com nossas regras e política de privacidade. Veja aqui

O espaço de comentários do Portal no AR pode ser moderado. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. anônimas ou assinadas com e-mail falso;
8. fora do contexto do portal.

O Portal no AR:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;
3. não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros.
4. se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.