Geral

ARIÚS

Operação desarticula quadrilha que assaltou banco em Macaíba

Ataque ao Banco do Brasil foi realizado em 12 de julho de 2018

Por Heilysmar Lima

8 de fevereiro de 2019 | 17:48

Novo cangaço. Assim a Polícia Civil do Rio Grande do Norte definiu o modo de ação de uma quadrilha especializada em roubos a bancos em estados do Nordeste. Nesta sexta-feira (8), foi deflagrada a Operação Ariús, após sete meses de investigações. Ao todo, 15 integrantes do grupo criminoso foram identificados.

Desses, segundo o delegado Erick Gomes, titular da Divisão Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deicor), 11 foram detidos, dois são adolescentes e outros dois ainda estão foragidos. As apurações começaram um dia após ao assalto ao cofre central e aos caixas eletrônicos do Banco do Brasil de Macaíba, na Grande Natal, em 12 de julho de 2018. No crime, a quadrilha conseguiu levar R$ 1,1 milhão.

Já no dia seguinte ao ataque, quatro suspeitos foram presos na Paraíba. Com eles, os policiais paraibanos encontraram armas e R$ 156 mil que haviam sido roubados no RN. “A base da quadrilha é toda na Paraíba. Nós tivemos apoio da Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande e de João Pessoa para ter êxito na investigação”, contou Gomes em entrevista coletiva.

Com a recuperação de apenas 10% do total do dinheiro roubado, o delegado acredita que os homens utilizaram o resto do valor também para comprar novas armas e mais drogas. “Como é de praxe, devem ter comprado novos fuzis, munições, explosivos e drogas”, comentou.

Dos 13 detidos na operação Ariús, sete já estavam em presídios na Paraíba, outros dois em presídios federais. Entre os menores, um deles é de Macaíba. O outro é filho de um dos principais nomes da quadrilha.

No ataque à agência bancária na Grande Natal, os criminosos ainda atiraram contra a base da Polícia Militar, queimaram carros e ainda espalharam grampos nas ruas para impedir a ação policial.

Os criminosos devem ser indiciados por roubo qualificado, organização criminosa, corrupção de menores, roubo e receptação.

Ariús é um nome indígena que, segundo o delegado, deu origem ao nome da cidade de Campina Grande, uma das principais cidades da Paraíba.

RECOMENDAMOS

OPERAÇÃO CLÁSSICO REI

Homem com LSD é preso em decisão do Potiguar 2019

NOVA APOSENTADORIA

Marinho volta a defender que Reforma ataca privilégios

NOVO COMANDO

Com exportações suspensas, Codern empossa novo diretor

LEILÃO

Detran abre visitação a veículos que serão leiloados

CARNAVAL DE NATAL 2019

Banda Detroit comanda folia no Polo Ponta Negra

OPERAÇÃO PADRÃO

Agentes penitenciários se reúnem com Governo

CLIMÃO NA GLOBO

Bruno Gagliasso se afasta de Marina a pedido da mulher

CASO DO TRÍPLEX

Fachin nega mais um Habeas Corpus de Lula

comentários

ANUNCIE JÁ!

RUA DESEMBARGADOR BENÍCIO FILHO, N° 465 PETRÓPOLIS CEP: 59014-470

PABX:

2020-1200

REDAÇÃO:

2020-1200

COMERCIAL:

2020-1200

FALE CONOSCO

Nome
TELEFONE
E-MAIL