• câmbio
    dólar R$
    euro R$
  • tempo, natal/rn
    28ºc

Geral

ÁGUA DE QUALIDADE

Operação Vertente beneficia mais de 100 mil potiguares

Somente neste ano foram investidos cerca de R$ 7 milhões

Por Redação

29 de dezembro de 2017 | 17:49

O Rio Grande do Norte enfrentou, em 2017, seu sexto ano consecutivo de seca, com 153 municípios em situação de emergência. A fim de minimizar os efeitos da estiagem prolongada, o Governo do Estado, através do Gabinete Civil e da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil deu continuidade as ações iniciadas em 2016, com a realização da Operação Vertente, destinando água potável a cerca de 110 mil potiguares, nas regiões Alto Oeste e Seridó.

Para garantir o abastecimento regular, somente neste ano foram investidos cerca de R$ 7 milhões, advindos de recursos do Ministério da Integração. Atendendo a uma média mensal de 22 municípios, a Operação conta com aproximadamente 90 caminhões-pipa circulando nas áreas urbanas das cidades em colapso, com a distribuição mensal de 17 mil m3 cúbicos e quase 44 mil atendimentos diários. No total, nesta fase da Operação, já foram entregues a população mais de 106 milhões litros de água.

A captação, distribuição e itinerário dos caminhões são monitorados em tempo real pela Defesa Civil, e a população também participa da fiscalização, confirmando o recebimento da água através de um cartão de leitura ótica. Outra preocupação da Operação é quanto a qualidade da água levada às cidades.

Segundo o coordenador Estadual da Defesa Civil, Elizeu Dantas, toda a água distribuída passa por testes e não oferece riscos à saúde dos norte-rio-grandenses, sendo destinada ao consumo humano. “A água é captada em locais indicados pela CAERN, que realiza georreferenciamento de áreas e laudos de potabilidade, indicando sua viabilidade. Hoje, a captação acontece nos mananciais de Apodi e Vera Cruz”, explica.

Atualmente, os carros-pipa abastecem 19 cidades do Rio Grande do Norte: Cruzeta, Bodó, Jardim do Seridó, Acari, Cerro Corá, Currais Novos, Paraná, Luis Gomes, Tenente Ananias, Almino Afonso, Francisco Dantas, João dias, José da Penha, Serrinha, Marcelino Vieira, São Miguel, Pilões, Rafael Fernandes e Alexandria.

Dantas explica ainda que a Defesa Civil segue critérios técnicos para quantificar o abastecimento de uma cidade em colapso, obedecendo a parâmetros da população a ser atendida. “Quando a CAERN nos notifica sobre o colapso, os agentes identificam os pontos de captação, de distribuição e iniciam o processo de contratação dos carros-pipa com a verba enviada pelo Ministério da Integração”.

Sistema Estadual

Em 2017 também foram iniciadas as articulações para formação do Sistema Estadual de Proteção e Defesa Civil, que pretende tornar mais ágil e eficaz o atendimento à população em situações de emergência e desastres ocorridos em todo Rio Grande do Norte, por meio de uma atuação integrada entre o órgão estadual e as Coordenadorias Municipais de Defesa Civil de todo o estado, divididas em 10 Unidades Regionais (UR).

Para qualificar o trabalho dos agentes municipais de Defesa Civil, a equipe da Coordenadoria Estadual realizou treinamento em todas as regiões do Estado. Foram feitos nove cursos de capacitação, ensinando os agentes a utilizar o Sistema integrado de Informações sobre Desastres (S2ID), da Defesa Civil Nacional, que integra dados regionais e nacionais essenciais para proteção, prevenção, resposta e reconstrução de áreas afetadas.

RECOMENDAMOS

SAÚDE

Entenda a ação e consequência dos açúcares no corpo

CAMPANHA

Arrecadação para Natal sem Fome segue no Natal Shopping

HONRARIA

Diretora do CEI Romualdo será homenageada na ALRN

ÁLVARO DIAS

'Natal em Natal será um dos maiores eventos do NE'

ATREVIDA!

Meghan Markle quebra novos protocolos

OPERAÇÃO ROSS

Agripino esclarece doações de empresas ao Democratas

BABADO NOVO!

Claudia Leitte será atração máxima do Natal em Natal

DESCONTENTAMENTO

Quiosqueiros são impedidos de oferecer banho

comentários

ANUNCIE JÁ!

RUA DESEMBARGADOR BENÍCIO FILHO, N° 465 PETRÓPOLIS CEP: 59014-470

PABX:

2020-1200

REDAÇÃO:

2020-1200

COMERCIAL:

2020-1200

FALE CONOSCO

Nome
TELEFONE
E-MAIL