câmbio:

DÓLAR R$ 3.2226 EURO R$ 3.8194

Tempo, natal:

26°C

Geral

AV. SALGADO FILHO

08/11/2017

16:16

Pegadinha do Enem em Natal vira caso de polícia

O que era para ser apenas uma pegadinha, teve seu desfecho na delegacia

Por Estadão Conteúdo

Compartilhar } 18 Compartilhamentos

Na tentativa de atrair seguidores, o youtuber pernambucano Ítalo Sena se vestiu como o padre irlandês que atrapalhou uma prova de maratona da Olimpíada de Atenas, em 2004, e fingiu atacar um jovem que faria o Enem. A pegadinha teve seu desfecho na delegacia.

Em vídeo postado em seu canal no dia seguinte, Ítalo explica que muitos seguidores pediam para ele fazer a brincadeira. No vídeo, gravado próximo a uma universidade de Natal, é possível ver o youtuber fantasiado como o padre pular em cima de um jovem que se direcionava para o local de prova. Ele então foge.

Contudo, o que era para ser apenas uma pegadinha, acabou virando caso de polícia. Isso porque dois dos rapazes que faziam parte da armação, Diogo Medeiros (que filmou a ação) e Samuel de Lima (o ator que fingiu ser atacado), foram levados para a delegacia para prestar esclarecimentos.

Foi expedido boletim de ocorrência na Delegacia de Plantão da Zona Sul de Natal. O documento diz que “os acusados simularam uma briga. Um deles fugiu e outro fingiu ser vítima, gritando”.

Na página do vídeo, Ítalo publicou uma mensagem em que diz que “o estudante que caiu também era ator. Pensei que todo mundo fosse perceber isso”. Porém, eles deverão comparecer na Justiça para responder por distúrbio do trabalho e sossego alheios – previsto no artigo 42 da Lei de Contravenções Penais (LCP).

Veja vídeo!

Compartilhar } 18 Compartilhamentos

últimas notícias

+ Lidas

recomendamos

comentários

Ao comentar, o leitor concorda com nossas regras e política de privacidade. Veja aqui

O espaço de comentários do Portal no AR pode ser moderado. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. anônimas ou assinadas com e-mail falso;
8. fora do contexto do portal.

O Portal no AR:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;
3. não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros.
4. se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.