câmbio:

DÓLAR R$ 3.7975 EURO R$ 4.4609

Tempo, natal:

23°C

Economia

OLHA O MILHO!

20/06/2018

11:56

Procon constata redução no preço do milho verde em relação ao ano passado

Variação em comparação com o ano passado apontou uma queda

Por Redação

Foto: Wellington Rocha/Portal No Ar

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

O Procon Natal realizou neste mês de junho uma pesquisa para medir o preço do milho verde para o consumidor final. A pesquisa foi realizada de 04 a 07 e na segunda semana de 11 a 14. Foram pesquisados tradicionais feiras da cidade (Alecrim, Santa Catarina, Conjunto Pirangi, Igapó, Nova Natal, Cidade da Esperança, Carrasco), Ceasa, Centro de Agricultura da Família , além de Supermercados e Mercadinhos.

A variação em comparação com o ano passado apontou uma queda. A unidade teve uma redução de (-8,55%) nas feiras livres e de (-13,44%) nos canteiros de vendas. A mão com 50 unidades seguiu a mesma tendência de queda em relação ao ano anterior de (-8,79%) para as feiras e (12,87%) nos canteiros de venda na cidade, o cento desse produto ficou com uma redução de (-8,09%) e (-13,31%) para feiras e canteiros de venda respectivamente.

A redução nos preços se deve, entre outros fatores, às dificuldades na economia sentidas atualmente e os pesquisadores observaram que na compra de maiores quantidades, os comerciantes ofereceram bons descontos para fechar a venda. O Procon orienta que o consumidor que puder antecipar a compra deve fazê-lo, pois quanto mais perto do são João, maior é a procura pelo milho, e o ideal é que o consumidor não deixe para comprar na véspera, correndo o risco de ter dificuldades para encontrar tendo que pagar mais caro.

A pesquisa na íntegra está disponível no site do Procon Natal.

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

últimas notícias

+ Lidas

recomendamos

comentários

Ao comentar, o leitor concorda com nossas regras e política de privacidade. Veja aqui

O espaço de comentários do Portal no AR pode ser moderado. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. anônimas ou assinadas com e-mail falso;
8. fora do contexto do portal.

O Portal no AR:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;
3. não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros.
4. se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.