câmbio:

DÓLAR R$ 3.1208 EURO R$ 3.6284

Tempo, natal:

Showers 25°C

Economia

11/11/2013

12:33

Projeto vende peixe mais barato do que frango no RN

Por blogdogetuliosoares

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

O Caminhão do Peixe, projeto do Ministério da Pesca e Aquicultura, executado pela Superintendência Federal da Pesca e Aquicultura no Rio Grande do Norte, oferece à população peixe mais barato do que o frango congelado. O programa estará esta semana em cinco municípios diferentes do Estado: São José de Mipibu (segunda, 11) Assú (Terça-feira 12), Pedro Velho (Quarta-feira 13 manhã), Várzea (Quarta-feira à tarde) e Ceará-Mirim (quinta-feira 14).

Superintendente do MPA no RN, Abraão Lincoln Júnior explica que o projeto funciona através de parceria entre empresas e colônias de pescadores. “O peixe vem direto dos produtores para o caminhão, eliminando o papel do atravessador. O peixe, além de estar mais barato, é mais saudável que o frango. No frango encontramos vários hormônios e nos peixes temos ômega 3”, acrescentou Abraão.

O preço mais em conta dos peixes vendidos no Caminhão é fixado no valor de R$ 4,00 e são das espécies: cavalinha, sardinha, trilha, budião e guaiuba, que no mercado geralmente custa entre R$ 6,90 a R$ 10,00. O atum é comercializado no valor de R$ 8,00, bem abaixo do valor praticado pelo mercador que gira em torno de R$ 12 a R$ 16. “Esse projeto tem grande importância social, pelo preço do pescado e a qualidade. É um programa de segurança alimentar, onde conseguimos incentivar o aumento do consumo de peixe. Estamos levando o projeto para cidades do interior castigadas pela seca com rebanhos bovinos dizimados”, destacou Abraão Lincoln.

O preço mais em conta dos peixes vendidos no Caminhão é fixado no valor de R$ 4,00 (Foto: Divulgação)

O preço mais em conta dos peixes vendidos no Caminhão é fixado no valor de R$ 4,00 (Foto: Divulgação)

Entre os municípios já atendidos no Estado constam Natal, Ceará-Mirim, Parnamirim, Macaíba, Nisía Floresta, São José do Mipibú, Goianinha, Canguaretama, Nova Cruz, Santa Cruz, Tangará, Campo Grande, Mossoró, Areia Branca, Assú, Alto do Rodrigues, Ipanguaçu, Triunfo Potiguar, Caraúbas, Governador Dix-sept Rosado, Baraúnas, Apodi, Pau dos Ferros, Patú, Alexandria, Jucurutu, Caicó, Umarizal e Lajes do cabugi. “Estamos expandido o projeto a mais cidades do Rio Grande do Norte. Hoje contamos com dois caminhões, um fica em Natal e atende a região metropolitana, agreste e trairi e outro caminhão que fica na Colônia de Pescadores de Campo Grande e atende as cidades do Seridó e Oeste”, explica.

 

CALENDÁRIO DESTA SEMANA

Programação do Caminhão do Peixe do MPA

Terça-feira – Assú às 07:30

Quarta-feira – Pedro Velho ÀS 7:30 e Várzea as 14:00

Quinta-feira – Ceará-Mirim às 7:30

Compartilhar } 0 Compartilhamentos

últimas notícias

+ Lidas

recomendamos

comentários

Ao comentar, o leitor concorda com nossas regras e política de privacidade. Veja aqui

O espaço de comentários do Portal no AR pode ser moderado. Não serão aceitas as seguintes mensagens:

1. que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
2. com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
3. com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
4. com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
5. de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
6. que caracterizem prática de spam;
7. anônimas ou assinadas com e-mail falso;
8. fora do contexto do portal.

O Portal no AR:

1. não se responsabiliza pelos comentários dos frequentadores do blog;
2. se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas Regras ou às normas legais em vigor;
3. não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros.
4. se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.