Geral

Enem tem mais de 8,2 milhões de candidatos; inscrição termina às 23h59

Por Silvia Ribeiro Dantas

21 de maio de 2016 | 07:15

O número de inscrições no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) chegou a 8.222.491 até as 17H45 de ontem (20), segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). As inscrições terminam nesta sexta-feira às 23,59, no horário de Brasília. No ano passado, o exame recebeu quase 8,5 milhões de inscrições e 5,7 milhões de candidatos fizeram a prova.

As provas serão aplicadas nos dias 5 e 6 de novembro. A taxa de inscrição é R$ 68. A inscrição é feita pela internet, no site do Enem. O participante deve ter em mãos, no ato da inscrição, o CPF e o número do documento de identidade e informar um endereço de email. Só é possível fazer uma inscrição por email. O Inep vai usar o endereço e o telefone celular informado nessa etapa para se comunicar com o participante.

Na hora da inscrição, o participante deve informar se precisa de algum atendimento específico ou especializado e se é sabatista – aqueles que, por convicção religiosa, guardam o sábado, reservando o dia para descanso e oração. Nesse caso, têm direito a fazer o exame após o pôr do sol.

O atendimento especializado é oferecido a pessoas com baixa visão, cegueira, visão monocular, deficiência física, deficiência auditiva, surdez, deficiência intelectual (mental), surdocegueira, dislexia, déficit de atenção, autismo, discalculia ou com outra condição especial. O atendimento específico é feito a gestantes, lactantes, idosos, estudantes em classe hospitalar e sabatistas.

É também na inscrição que o estudante informa se quer utilizar o resultado do Enem para certificação do ensino médio. Para isso, é preciso ter 18 anos completos até o primeiro dia das provas do exame.

Confirmação

A inscrição só é confirmada após o pagamento da taxa de R$ 68. O prazo para que isso seja feito é até as 21h59, no horário de Brasília, do dia 25. São isentos da taxa os estudantes concluintes do ensino médio em escolas públicas e os candidatos de baixa renda.

Este ano, a taxa pode ser paga em qualquer agência bancária, casa lotérica ou agência dos Correios. Até o ano passado, a inscrição era paga apenas nas agências do Banco do Brasil.

Estudos

A plataforma Hora do Enem disponibiliza gratuitamente um plano de estudos individual para quem quer se preparar para o exame. O estudante faz um cadastro no qual preenche o curso que pretende cursar. O site também permite ao candidato participar de simulados nacionais, além de ter acesso ao Mecflix, portal com mais de 1,2 mil videoaulas.

A nota do Enem é usada na seleção para vagas em instituições públicas, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), bolsas na educação superior privada por meio do Programa Universidade para Todos (ProUni) e vagas gratuitas nos cursos técnicos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec).

O resultado do exame também é requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e participar do Programa Ciência sem Fronteiras. Para pessoas maiores de 18 anos, o Enem pode ser usado como certificação do ensino médio.

RECOMENDAMOS

DÉBITO

Dívidas com a União passam de R$ 2 trilhões

ECONOMIA

Projetos da Coteminas devem gerar 2,5 mil empregos

REFORMADO

Sesc Rio Branco reabre com modernidade para o público

PREVIDÊNCIA

Walter Alves promete apoio aos policiais na reforma

ALERTA

Casos de aids aumentam 141% em Natal

INQUÉRITO CONCLUÍDO

Zaira Cruz foi estuprada antes de ser assassinada

JUSTIÇA DO TRABALHO

TRT suspende decisão que ia contra reforma trabalhista

CATÁLOGO EDUC

Professor cria site para venda de conteúdo educacional

comentários

ANUNCIE JÁ!

RUA DESEMBARGADOR BENÍCIO FILHO, N° 465 PETRÓPOLIS CEP: 59014-470

PABX:

2020-1200

REDAÇÃO:

2020-1200

COMERCIAL:

2020-1200

FALE CONOSCO

Nome
TELEFONE
E-MAIL