Geral

JUSTIÇA

Após determinação da Justiça, empresa conserta tomógrafos do Walfredo Gurgel

Pacientes não conseguiam realizar exames por falha no equipamento

Por Redação

6 de maio de 2019 | 09:05

Foto: Reprodução

A empresa Philips Medical Systems Ltda. informou à Justiça do Rio Grande do Norte que já consertou os dois tomógrafos do Hospital Walfredo Gurgel no dia 22 de abril deste ano. O conserto dos equipamentos tinha sido determinado pela 6ª Vara da Fazenda Pública de Natal e, caso a decisão fosse descumprida, a empresa corria o risco de pagar multa, consequência de uma Ação Civil Pública.

Nos autos do processo, a empresa informou que “atualmente, todos os equipamentos de tomografia computadorizada da Philips já estão aptos à realização de exames”.

Na decisão, a Justiça analisou indícios de violação ao direito dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) de realizarem exames de tomografia computadorizada, considerando a prestação incompleta de serviços de saúde por parte do Estado.

Tendo em vista o cumprimento da decisão dentro do prazo de cinco dias, estabelecido pela 6ª Vara, o tomógrafo que está guardado no Hospital Regional de Caicó não será mais transferido temporariamente para a capital potiguar.

A 6ª Vara esclareceu que a transferência temporária não deveria ser a primeira opção e apenas seria realizada se não fosse possível o conserto do tomógrafo por falta de peças no prazo determinado.

RECOMENDAMOS

CRÍTICAS

Bolsonaro volta a defender fim dos radares

FIERN

Atividade da construção potiguar segue em dificuldades

LEVANTAMENTO DA FOLIA

Fecomércio divulga resultados do Carnaval em Parnamirim

SONDAGEM FIERN

Atividade industrial potiguar cai pelo 5° mês seguido

Cristina Indio do Brasil – Repórter da Agência Brasil

Morre menina queimada em vazamento de duto

SERIDÓ SEGURO

RN: Polícia prende 5 envolvidos com tráfico e mortes

COMENTÁRIOS NEGATIVOS

Paula Fernandes rebate críticas de Juntos e Shallow Now

ESPETÁCULO

Mossoró inicia montagem do cenário do "Chuva de Balas"

comentários