Geral

Após mais de dois anos, Polícia Civil espera concluir em agosto inquérito do massacre de Alcaçuz

17 de julho de 2019 | 11:19

A Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), com apoio logístico da Diretoria Administrativa da Polícia Civil, está realizando um mutirão, desde segunda-feira (15), na Penitenciária de Alcaçuz, que tem como objetivo concluir o inquérito que investiga os 26 homicídios ocorridos em janeiro de 2017, dentro do presídio.

Delegados, agentes e escrivães da Especializada estão no presídio, até esta quarta-feira (17), realizando oitivas que buscam identificar todos os suspeitos que participaram das mortes efetuadas dentro da penitenciária. A previsão da DHPP é de que o inquérito seja concluído no mês de agosto.

A meta do mutirão é ouvir 266 presos no Presídio Rogério Coutinho Madruga. Na segunda-feira (15), foram ouvidos 57 detentos, na terça-feira (16) foram 98 e nesta quarta-feira (17), a estimativa é de que devam ser ouvidos 111 presos.

RECOMENDAMOS

Establish More About Guesses Used In Public Health Medical Attention

What You Need to Do About Research Paper Writing Service

The Untold Story on Assignment Help Academic You Really Need to Read or Be Left Out

The History of Assignment Helper Assignment Refuted

Nurse Suggestions to Look after Individuals

Essay Writer Service - The Best Way to Find the Cheapest

Essay Writer Assistance - How to Find the Cheapest

PORTAL NOAR encerra atividades

comentários