Geral

NOVO SISTEMA

Baraúna e comunidades rurais recebem abastecimento de água

Obra vai levar água a mais de 16 mil habitantes aos moradores da região

Nesta terça-feira (3), o governador Robinson Faria entregou ao município de Baraúna e às comunidades de Juremal, Campestre, Vertentes e Assentamento Primavera, o Sistema de Abastecimento de Água, obra esperada há mais de 40 anos que vai levar água a mais de 16 mil habitantes, numa rede de abastecimento que soma 24,7 km de extensão.

“É com muita felicidade que hoje entregamos vida, porque água é vida. Uma promessa de mais de 40 anos que hoje Baraúna e todas essas comunidades receberão”, destacou o governador.

O investimento da obra – por meio do Governo Cidadão, via Acordo de Empréstimo com o Banco Mundial – foi de R$ 4,5 milhões, visando acima de tudo, diminuir as desigualdades regionais e a inclusão produtiva.

“Levar água é levar dignidade, saúde, melhoria em todos os sentidos. É com essas metas que o Governo Cidadão trabalha e por meio delas que pretende melhorar a vida dessas e de outras milhares de pessoas”, completou o coordenador do Governo Cidadão, Vagner Araújo.

Como resultado, esta obra, que ainda gerou 18 empregos diretos e indiretos, levará água, somente na Zona Rural a 1.025 residências, favorecendo a vida de cerca de 6 mil pessoas.

Uma delas é a senhora Maria de Lima Oliveira, dona de casa, que há 30 anos mora em Juremal e nunca teve água regular em suas torneiras, e que agora comemora esse grande momento em sua vida, já que – como ela mesmo disse – sofria com a falta d’água porque dependia da compra a carros pipas.

“Nem sempre tinha R$ 60 ou R$ 70 reais para comprar água do carro-pipa e graças à Deus e ao governador Robinson Faria, nós temos água agora. Nem acreditei quando meu marido me acordou cedinho, e chorando me disse que a água, que estava chegando em casa, era tão forte que estava com medo da vazão. Nossa família e comunidade agora é só felicidade, tanto que estou feliz em ter até a conta de água para pagar”, disse Dona Maria Lima de Oliveira, entre sorrisos e lágrimas de alegria.

Estrada do Melão

Em Baraúna também foi iniciada a obra de recuperação estrutural, drenagem e sinalização Estrada do Melão III. A obra visa o equilíbrio regional, a começar pela dinamização da economia local, permitindo circulação de pessoas e de mercadorias, melhorando a mobilidade viária para a população local e viabilizando o turismo.

O governador Robinson Faria visitou, na manhã desta terça-feira (3), a obra de recuperação estrutural, drenagem e sinalização da RN 015, conhecida como estrada do Melão, que visando o equilíbrio regional, a começar pela dinamização da economia local, permitindo circulação de pessoas e de mercadorias, além de melhorar a mobilidade viária para toda a população local e viabilizar o turismo, foi iniciada a partir do investimento de R$ 16 milhões, por meio do Governo Cidadão, via Banco Mundial.

Essa obra está sendo concebida diante da necessidade de um sistema de estradas que interligue as áreas a serem beneficiadas com as intervenções governamentais estratégicas, uma vez que importantes atividades econômicas passam pela RN 015, como a exploração do caju e da castanha.

“É com muita alegria que damos início a esta obra. Obra essa que vai complementar um importante roteiro econômico de escoação dos produtos locais – que vai desde a exploração do sal até a cadeia produtiva do caju – além de melhorar a mobilidade viária para toda a população local, uma vez que liga Baraúna à BR-437, no trecho identificado como Estrada do Cajueiro, numa extensão de 19km”, ressaltou o Governador durante a visita.

Em fase de licenciamento de jazidas, a obra mesmo em seu início, já enche a população de esperança, com ânsia para que maio de 2019 – data em que será entregue a obra – chegue com rapidez.

“Além de todos esses grandes benefícios que já sabemos, a Estrada do Melão III vai fomentar ainda a produção de dez assentamentos na região, viabilizando o aumento das exportações e o incremento em torno de 20% das áreas cultivadas, promovendo também a economia, já que as mercadorias serão transportadas com mais agilidade e menor custo”, finalizou Vagner Araújo, coordenador do Governo Cidadão.

RECOMENDAMOS

ECONOMIA

Projetos da Coteminas devem gerar 2,5 mil empregos

REFORMADO

Sesc Rio Branco reabre com modernidade para o público

PREVIDÊNCIA

Walter Alves promete apoio aos policiais na reforma

ALERTA

Casos de aids aumentam 141% em Natal

INQUÉRITO CONCLUÍDO

Zaira Cruz foi estuprada antes de ser assassinada

JUSTIÇA DO TRABALHO

TRT suspende decisão que ia contra reforma trabalhista

CATÁLOGO EDUC

Professor cria site para venda de conteúdo educacional

É MENINO OU MENINA?

Tatá Werneck adia exame para saber sexo do bebê

comentários

ANUNCIE JÁ!

RUA DESEMBARGADOR BENÍCIO FILHO, N° 465 PETRÓPOLIS CEP: 59014-470

PABX:

2020-1200

REDAÇÃO:

2020-1200

COMERCIAL:

2020-1200

FALE CONOSCO

Nome
TELEFONE
E-MAIL