Política

NO TWITTER

Bolsonaro defende Lava Jato da Educação: ‘há algo de muito errado’

Presidente comentou sobre investigação no Ministério

Por Thaís Barcellos

4 de março de 2019 | 10:30

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro defendeu a “Lava Jato da Educação” em seu perfil do Twitter na manhã desta segunda-feira, 4. Para embasar seu ponto de vista, ele citou que o Brasil gasta mais em educação em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) do que a média de países desenvolvidas, mas ocupa as últimas posições na Programa Internacional de Avaliação (PISA). Segundo ele, em 2003, o Ministério da Educação (MEC) gastava R$ 30 bilhões em Educação, e, em 2016, gastou quatro vezes mais, chegando a R$ 130 bilhões.

“Há algo de muito errado acontecendo: as prioridades a serem ensinadas e os recursos aplicados. Para investigar isso, o Ministério da Educação junto com o Ministério da Justiça, Polícia Federal, Advocacia e Controladoria Geral da União criaram a Lava-Jato da Educação.”

Segundo Bolsonaro, os dados iniciais da investigação revelam “indícios muito fortes” de que a máquina está sendo usada para a manutenção de “algo que não interessa ao Brasil”. Ele ainda completou que sabe que isso pode acarretar greves e movimentos coordenados, “prejudicando o brasileiro”.

Na noite de domingo, o presidente também usou sua página no Twitter para cobrar a fiscalização da MP 873, editada na sexta-feira, 2, e que impede que o pagamento da contribuição sindical voluntária seja descontada diretamente do salário dos trabalhadores. Agora, o pagamento só pode ser feito mediante boleto bancário individual enviado aos trabalhadores que tenham autorizado previamente a cobrança.

Bolsonaro disse que a medida desagradou líderes sindicais e pediu a fiscalização do pleito para evitar que a MP expire ou seja derrotada no Congresso. A medida tem prazo de 120 dias para ser apreciada no Parlamento ou perde validade.

RECOMENDAMOS

SEGURANÇA

Centro de Comando da Sesed vai monitorar manifestação

TÁ SUJA

Praias em Natal continuam impróprias para banho. Veja.

SEGUE

Veja como é a reforma administrativa aprovada na Câmara

CONGRESSO

Encontro elegerá direção do PSB/Natal visando eleições

AGENDA ECONÔMICA

Fecomércio mostra potencial econômico do RN na Alemanha

FLOPOU

Poucos comparecem e manifestação vira panfletagem

PRÊMIOS

Mega Sena pode pagar R$ 3 milhões neste sábado

IMPRUDÊNCIA

Bêbado foge de blitz e quase atropela pedestres

comentários