Política

APROXIMAÇÃO

Bolsonaro e Trump encontram-se dia 19, diz Casa Branca

Cooperação na área de Defesa e crise na Venezuela são assuntos a serem tratados

Por Agência Brasil

9 de março de 2019 | 10:30

Donald Trump e Bolsonaro - Reprodução

Os presidentes do Brasil e dos Estados Unidos, Jair Bolsonaro e Donald Trump, vão se encontrar no próximo dia 19, segundo comunicado da Casa Branca. Entre os temas que poderão ser discutidos no encontro, destacam-se a cooperação na área da defesa, políticas comerciais, combate ao crime transnacional e a crise na Venezuela.

De acordo com a Casa Branca, Bolsonaro e Trump vão conversar sobre os esforços para fornecer ajuda humanitária à Venezuela. Brasil, Estados Unidos e Colômbia lideraram o movimento de doações para os venezuelanos a partir da cidade colombiana de Cúcuta e da brasileira Boa Vista, capital de Roraima.

Os Estados Unidos e o Brasil, mais de 50 nações no total, reconheceram Juan Guaidó, autodeclarado presidente da Venezuela, como legítimo. Guaidó é presidente da Assembleia Nacional da Venezuela. O impasse no país vizinho permanece, pois o presidente Nicolás Maduro diz que vai se manter no poder com apoio da China, Rússia e Turquia, do México e Uruguai.

A viagem de Bolsonaro deve ocorrer entre os dias 18 e 22 deste mês. O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) fizeram viagens aos Estados Unidos para preparar a visita do presidente da República.

*Com informações da Xinhua, agência oficial de notícias da China

Ediç

RECOMENDAMOS

DESISTIU

Bolsonaro não vai mais indicar filho para Embaixada

CONFUSÃO INTERNA

'Guerra das listas' do PSL tem nomes repetidos

SALDO POSITIVO

RN cria 13.344 mil vagas de empregos em setembro

CRISE NO PSL

Delegado Waldir derrota Eduardo e continua líder do PSL

QUE LUTA!

Leonardo comemora 23 anos de casados com a esposa

CAGED

País criou mais de 157 mil empregos formais em setembro

É TRETA

Bolsonaro decide retirar Joice da liderança do governo

GESTÃO DO PETRÓLEO

Fiern convida ministro de Minas para Seminário

comentários