Geral

CP NATAL

Capacitação de servidores públicos é destaque na Campus Party

Foi dada a largada na segunda edição do evento no RN

Por Redação

17 de agosto de 2019 | 10:47

Foto: Sandro Menezes/Governo do RN

Foi dada a largada na segunda edição de um dos maiores eventos de tecnologia, inovação, empreendedorismo, robótica e cultura geek do mundo. A Campus Party reúne as maiores comunidades digitais numa maratona de conhecimento, networking e entretenimento. Durante a solenidade de abertura da CP Natal 2019, nesta sexta-feira (16), a governadora Fátima Bezerra destacou que um dos diferenciais desta edição será a capacitação dos servidores públicos estaduais “por meio do convênio com a Campus Party, estamos promovendo a atualização e a capacitação dos servidores públicos, especialmente àqueles ligados às áreas de tecnologia da informação, comunicação e recursos humanos. Eles serão multiplicadores de conhecimento e das novas ferramentas tecnológicas que estão sendo utilizadas pelo Governo para a modernização da gestão, aprimoramento de processos e procedimentos, trazendo mais produtividade e eficiência na gestão”, enfatizou Fátima.

Outra iniciativa proposta pelo Governo do RN para a CP Natal 2 é a realização um Hackaton, uma competição entre os participantes do evento, com o objetivo de desenvolver soluções tecnológicas voltadas para a capacitação de servidores. Em seu discurso, a Governadora lembrou ainda o compromisso com o desenvolvimento de iniciativas voltadas à tecnologia, entre elas, a construção do Parque Tecnológico, localizado no município de Macaíba. Uma parceria entre o Governo, Prefeitura de Macaíba e a comunidade acadêmica: UFRN, UERN, IFRN e Instituto Metrópole Digital. “Para termos uma cidade inteligente, um Governo inteligente precisamos cada dia mais estar inseridos nesse mundo digital e conectado, com o objetivo maior de oportunizar a inclusão da nossa juventude neste contexto. Por isso, estamos fazendo um grande esforço para em breve entregar o Parque Tecnológico de Macaíba”, disse.

No estande de 60 m², o Governo do RN apresenta soluções e ferramentas de TI de órgãos da Administração Direta e Indireta, lançamento de ferramentas das áreas desenvolvidas por potiguares, além da promoção do conhecimento, incentivo à criação de novos projetos, intercâmbio de ideias e interação dos vários segmentos da sociedade com as instituições públicas. Ao longo do evento serão ministradas palestras por servidores estaduais, entre elas: Nota Potiguar, e-Gov X Hackerismo e Governo Inteligente.

Ao longo do evento também serão ministradas palestras sobre inovação da gestão, ministrado pela Escola de TI para a Gestão Pública, vinculada à Secretaria de Estado da Administração (Sead), e a Controladoria Geral do Estado (Control), tratando de temas importantes como a sustentabilidade da TI governamental e a transparência na gestão pública.

A proposta pedagógica do Executivo para o evento prevê a participação de servidores estaduais de órgãos e secretarias como multiplicadores de conhecimento e divulgadores das novas ferramentas tecnológicas que estão sendo utilizadas pelo Governo do Estado no tocante à modernização da gestão e uso da inovação para aprimoramento de processos, procedimentos e até de arrecadação de recursos para o Tesouro Estadual. A Escola de TI para a Gestão Pública, vinculada à Sead, por exemplo, já apresenta condições para substituir alguns serviços terceirizados no setor público, com os quais se pôde economizar custos.

O Governo do RN é parceiro da Campus Party – cedeu o Centro de Convenções para realização do evento e todo o investimento do Governo está sendo revertido em capacitação com a distribuição de 750 ingressos para os servidores estaduais.

Com o objetivo de proporcionar a experiência da Campus Party ao maior número de estudantes da rede pública estadual, o Governo do RN também distribuiu 200 ingressos da categoria Daypass – que dá direito à entrada no evento durante um único dia, à escolha do estudante – para alunos maiores de idade e regularmente matriculados em instituições públicas de ensino. Além da participação de cerca de 300 estudantes da 3ª série do ensino médio das escolas públicas estaduais, e técnicos das Diretorias Regionais de Educação e Cultura (Direcs), localizadas no interior do estado. Essa ação vale como atividade de extensão.

O Centro de Robótica e Tecnologia (CENEP) da Escola Estadual Senador Jessé Pinto Freire, está expondo as atividades desenvolvidas pelos alunos, com a criação do projeto os alunos passaram criar soluções para a própria escola, como a manutenção dos computadores. “São 40 alunos extra sala de aula que participam da oficina de robótica. De maneira lúdica e divertida os estudantes conhecem noções de robótica e utilizam conhecimentos de maneira multidisciplinar em todas as disciplinas”, explica o professor de informática, Robson Andrade.

Nesta edição, a maior feira de tecnologia do país oferece atividades ininterruptas movidas a internet de alta velocidade e diversas palestras, workshops, conferências e hackatons (‘disputa’ de programadores). A expectativa é de que o evento supere a primeira edição e atraia mais de 60 mil pessoas às exposições tecnológicas. A feira acontece em três áreas: Open Campus, espaço gratuito e aberto ao público; Arena, que abriga as palestras principais; e Camping, que reúne as barracas dos ‘campuseiros’, participantes que pagam ingresso para participar 24 horas da programação.

Durante a Campus Party os potiguares têm a oportunidade de participar de um dos maiores eventos de tecnologia do mundo aqui mesmo, no seu estado. A iniciativa promove o desenvolvimento tecnológico, econômico e social, bem como incentiva a educação e pesquisa. “Aqui o que se faz é trocar conhecimento, trazer gente do mundo todo, autoridades da tecnologia mundial para colocar o Rio Grande do Norte no mapa digital do mundo. E estamos felizes pois mesmo diante de um cenário econômico e financeiro difícil, conseguimos realizar a Campus Party Natal”, disse Francesco Farruggia, Presidente do Instituto Campus Party.

LEGADO CAMPUS PARTY

Natal e Parnamirim ganharam unidades do Include – projeto desenvolvido pelo Instituto Campus Party, São dois laboratórios tecnológicos que oferecerão aulas de robótica educacional gratuitas a crianças e adolescentes de 10 a 18 anos.

O projeto que tem como objetivo fomentar a educação de crianças e adolescentes por meio da tecnologia, promove o ensino da robótica, com material didático exclusivo e prepara no presente os profissionais do futuro, garantindo que os estudantes tenham acesso à informação de qualidade e desenvolvam suas habilidades dentro de um ecossistema totalmente inovador e enriquecedor.

O primeiro laboratório foi inaugurado na sexta-feira (16), na Escola Municipal Emérito Nestor Lima, em Parnamirim. E a outra unidade do Include será aberta neste sábado (17), no SESC – Potilândia.

Sob viés empreendedor e tecnológico, a Campus Party possibilita ao longo dos últimos 12 anos, que os participantes vivam novas experiências e adquiram mais conhecimentos com os palestrantes; promove o networking entre seu público nas mais diversas áreas de atuação; desenvolve iniciativas que fomentam o empreendedorismo; apresenta projetos de parceiros, universidades e dos próprios participantes engajados em tornar a sociedade mais inovadora através de ações sustentáveis, além de oferecer um espaço perfeito para o diálogo entre mentes brilhantes. O evento também propõe a construção de uma rede de pessoas altamente talentosas e preocupadas com o desenvolvimento de uma sociedade que possa se beneficiar e crescer por meio da tecnologia.

RECOMENDAMOS

ALERTA

Arboviroses: Sesap reforça orientação aos municípios

MAIS ORGANIZAÇÃO

Evento leva dicas de organização para shopping em Natal

ATUALIZAÇÃO

Governo atualiza cadastro e preocupa produtores rurais

MAIS VOOS

Azul Viagens anuncia um aumento de voos para Natal

DESESPERO

Yudi fica na mão de bandidos em assalto

SANÇÃO PRESIDENCIAL

Bolsonaro sanciona com vetos MP da Liberdade Econômica

PECULATO

Deputado é denunciado por desvio de R$ 2 mi da Câmara

TALENTO DA CASA

Artista potiguar vence concurso internacional de arte

comentários