Geral

MULHER MARAVILHA REAL

Caroline Pletsch, uma guerreira que encarou o crime até a morte

Policial catarinense executada em Natal conseguiu feitos memoráveis em cinco anos de carreira

Por Ayrton Freire

27 de março de 2018 | 12:52

Assalto em uma pizzaria da zona norte de Natal na noite dessa segunda-feira, 26. Os dois bandidos percebem que um casal que jantava no local era de policiais. Os criminosos mandam que fiquem de joelhos e disparam contra as vítimas. Atingida no peito, Caroline Pletsch, de 32 anos, e soldado da Polícia Militar de Santa Catarina, morre a caminho do hospital.

Terminou assim a desejada viagem de férias dela ao Rio Grande do Norte ao lado do esposo, o sargento Marcos Paulo da Cruz, 43, também da Polícia Militar de Santa Catarina. Baleado no ombro, ele escapou da morte. Entretanto perdeu a companheira. Aquela que era uma guerreira, reconhecida por ações de bravura em sua terra.

Carol, como era conhecida a policial, ingressou para a corporação em 2013 e servia ao 2º Batalhão de Chapecó. Era da Radiopatrulha e atendia as mais diversas ocorrências. Na ficha funcional dela constam, pelo menos, 13 elogios por bons serviços prestados e quatro por ocorrências com dedicação além da média, nas quais ladrões foram presos por ela. Em junho de 2017, foi escolhida como militar destaque do mês.

Certa vez, Carol nem estava de serviço quando soube de uma ocorrência de roubo contra uma senhora, na região por onde passaria no caminho de casa. Ela estava sozinha e decidiu usar o carro dela para procurar os suspeitos. Eram dois. Ela os abordou e dominou a dupla até a chegada do reforço policial.

“A mesma policial que, sozinha, dominou dois assaltantes, fez a alegria de crianças quando as recebeu para mostrar a farda, os equipamentos e pousar para fotos com elas”, assim narrou o 2º Batalhão de Chapecó em postagem em uma rede social, expressando todo luto da corporação catarinense.

Diante de ocorrências tão distintas atendidas pela soldado Caroline Pletsch, o 2º Batalhão de Chapecó a definiu como “versátil, guerreira e alguém que não media esforços para sorrir e nem para bem servir”.

RECOMENDAMOS

CLIMA TENSO

Aeroporto expõe tensão de Bolsonaro com políticos do NE

SOBRE DUAS RODAS

Passeio marca o dia do Motociclista em Natal

PASSO DA PÁTRIA

Polícia prende homem por tráfico e posse de munições

ATO PERIGOSO

Vítima toma arma de arma de bandido e evita assalto

HOMENAGEM

Zeca Melo recebe título de cidadão de Caicó

REIVINDICAÇÕES

RN: Categorias paralisam atividades nesta terça-feira

TRANSPORTE DE CARGA

ANTT suspende resolução com novas regras para frete

TEMPO

RN tem alerta de Mar Grosso com ondas acima de 3 metros

comentários