Política

ENDIVIDADO

Ceará-Mirim poderá cancelar contratos de obras

São obras nas áreas da saúde (Unidades Básicas de Saúde) e educação (escolas e creches)

Por Redação

19 de setembro de 2019 | 14:59

Prefeito interino de Ceará-Mirim, Ronaldo Venâncio. Foto: Divulgação

Com uma situação financeira delicada, o município de Ceará-mirim, na Grande Natal, poderá perder contratos de obras que ainda não foram finalizadas. O prefeito interino, Ronaldo Venâncio, constatou em reunião GIGOV Caixa Econômica Federal (CEF), que o município está em risco iminente de devolver recursos refentes a obras ainda não iniciadas e inacabadas.

A situação pode acarretar em penalização ao município no tocante a perda de contratos e convênios relacionados a obras de Unidades Básicas de Saúde e escolas e creches, com construções em andamento.

Diante da informação, o prefeito Ronaldo Venâncio, que no início da semana determinou uma força-tarefa para tirar o município da situação de inadimplência do CAUC, também solicitou da equipe de governo o mesmo empenho e agilidade no sentido de reverter o quadro para manter os convênios e contratos ativos.

RECOMENDAMOS

SEM QUALIDADE

Grande Natal segue com praia imprópria para o banho

PREVENÇÃO

RN atinge meta de vacinação contra sarampo

FIRST LEGO LEAGUE

Torneio de robótica apresenta inovação e tecnologia

FUNDO DE GARANTIA

FGTS poderá distribuir mais que 50% dos lucros

AUDIÊNCIA PÚBLICA

Natal:Câmara realiza audiência com líderes comunitários

BENEFÍCIO

Caixa começa a pagar auxilio emergencial a pescadores

PROMESSA

Bolsonaro diz que manterá Camargo na Fundação Palmares

XADREZ

Polícia Civil prende homem por estelionato em Natal

comentários