Interior

FISCALIZAÇÃO

Conselho fecha 7 academias e flagra 16 pessoas em trabalho clandestino

Conselho de Educação Física fiscalizou Mossoró, Baraúna e Areia Branca

Por Redação

21 de maio de 2019 | 16:40

Fiscal do CREFI. Foto: Divulgação/CREFI 16RN

Durante uma semana num trabalho de fiscalização nos municípios de Mossoró, Baraúna e Areia Branca, região Oeste potiguar, o Conselho Regional de Educação Física (CREFI) da 16ª Região vistoriou 95 estabelecimentos que oferecem o serviço de atividade física e desportiva e nove destes apresentaram alguma irregularidade, sendo necessário o fechamento de sete pelos fiscais do Conselho.

Ao todo, foram visitadas 91 academias, um projeto desenvolvido pela prefeitura de Mossoró e três escolas. Também foi fiscalizada a atividade de profissionais de edução física e, neste quesito, 16 pessoas foram flagradas exercendo a profissão de forma irregular. Elas vão ser denunciadas ao Ministério Público por exercício ilegal da profissão porque apenas pessoas habilitadas e registradas podem atuar como Profissionais de Educação Física, como determina a lei federal 9.696/98 ,que regulariza a profissão.

Durante os trabalhos, o CREFI esteve com um escritório funcionando em Mossoró durante toda a semana, de 13 a 17 de maio. Foram realizados 30 atendimentos diversos como consultas e solução de dúvidas. Na ocasião,41 cédulas de identidade profissional foram entregues e 32 serviços protocolados.

O CREF também realizou uma tarde de formação para Responsáveis Técnicos de academias de Mossoró e outras 22 cidades com palestras com o próprio Conselho, Ministério Público, Vigilância Sanitária e Corpo de Bombeiros.

RECOMENDAMOS

CORRIDA

Maratoninha Natal começa entrega de kits

FEIRA DE NEGÓCIOS

Fecomércio levará experiências tecnológicas à Feneciti

SENHORA DA APRESENTAÇÃO

Fiéis recebem imagem da padroeira em missa ao amanhecer

INVESTIGAÇÃO

Assessores de Carlos voltam a depor no caso Marielle

DED NATAL

DED Nordeste divulga programação para Natal

IV FÓRUM ONSHORE

SENAI e CTGAS-ER debatem futuro do setor de petróleo

POLÍTICA

Bolsonaro cria nova estatal para substituir Infraero

SORTEIO

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 31 milhões no sábado

comentários