Economia

Cosern

Contas de luz terão reajuste de 3,38% a partir de sábado no RN

Reajuste vale para 1,3 milhões de unidades consumidoras

Por Redação

18 de abril de 2017 | 13:20

A Diretoria da ANEEL aprovou hoje (18/4), durante Reunião Pública, o reajuste tarifário anual da Companhia Energética do Rio Grande do Norte – Cosern, a vigorar a partir do dia 22, para 1,3 milhões de unidades consumidoras localizadas no estado do Rio Grande do Norte.

Ao calcular o reajuste, conforme estabelecido no contrato de concessão, a Agência considera a variação de custos associados à prestação do serviço. O cálculo leva em conta a aquisição e a transmissão de energia elétrica, bem como os encargos setoriais, e atualização dos custos típicos da atividade de distribuição.

Confira abaixo os índices que serão aplicados às contas de luz dos consumidores residenciais da Cosern:

Empresa

Consumidores residenciais – B1

Cosern

3,11%

Empresa

Classe de Consumo – Consumidores cativos

Baixa tensão
em média

Alta tensão
em média (indústrias)

Efeito Médio para o consumidor

Cosern

3,08%

4,07%

3,38%

O efeito médio da alta tensão refere-se às classes A1 (>= 230 kV), A2 (de 88 a 138 kV), A3 (69 kV) e A4 (de 2,3 a 25 kV). Para a baixa tensão, a média engloba as classes B1 (Residencial e subclasse residencial baixa renda); B2 (Rural: subclasses, como agropecuária, cooperativa de eletrificação rural, indústria rural, serviço público de irrigação rural); B3 (Industrial, comercial, serviços e outras atividades, poder público, serviço público e consumo próprio); e B4 (Iluminação pública).

Mais informações sobre revisões tarifárias podem ser consultadas no endereço eletrônico www.aneel.gov.br, no link entendendo a tarifa.

RECOMENDAMOS

LUTO

Mundo político homenageia jornalista Allan Darlyson

OPERAÇÃO BROADWAY

PF investiga estelionato contra Caixa Econômica Federal

FUTEBOL

Tite afirma que seleção mereceu vaias na estreia

DINHEIRO

Governo do Estado inicia pagamento de junho na segunda

LUTO

Morre em Natal o jornalista Allan Darlyson

HOMOFOBIA CRIMINALIZADA

OAB vai excluir advogados agressores de LGBTI+

SEM CALOTE?

RN terá fórum de negociação com fornecedores

SEM ACORDO

Governo se reúne com policiais, mas parada está mantida

comentários