Geral

TRANSPORTE PÚBLICO

🔊 Empresa de ônibus é acusada de demitir motoristas após acidentes

Manifestação causou atrasos a quem se desloca de ônibus em Natal

Por Ayrton Freire

21 de agosto de 2019 | 10:18

Foto: Josenilson Rodrigues/Busão de Natal

APERTE NO ‘PLAY’ PARA OUVIR A REPORTAGEM:

Motoristas e cobradores da Transportes Guanabara fizeram, na manhã desta quarta-feira, 21, um protesto com duração de uma hora contra as demissões de dois funcionários da empresa. A manifestação que impediu a saída de ônibus da frota para as ruas ocorreu entre 4h e 5h e causou atrasos aos usuários do transporte coletivo.

De acordo com Harley Davidson, diretor do Sindicato dos Rodoviários, os funcionários demitidos pela Guanabara eram manobristas. “Eles se envolveram em dois acidentes de trabalho. Um colidiu o ônibus com outro veículo dentro da garagem da empresa e o outro bateu contra o muro. De imediato, demitiram eles, alegando justa causa”, relatou.

O diretor do sindicato citou que os funcionários demitidos não tinham precedentes que justificassem a demissão por justa causa. “Um operador tinha 25 anos de empresa e saiu com a mão na frente e outra atrás. Sem contar que já com uma certa idade fica difícil de conseguir emprego”, disse.

Harley Davidson informou que, após a paralisação de advertência desta quarta, novas manifestações podem ocorrer.

Ao PORTAL NO AR, a Transportes Guanabara informou que, além das duas demissões citadas pelo sindicato, outro funcionário também foi demitido, e que “demissões fazem parte da rotina de qualquer empresa”.

RECOMENDAMOS

ALERTA

Arboviroses: Sesap reforça orientação aos municípios

MAIS ORGANIZAÇÃO

Evento leva dicas de organização para shopping em Natal

ATUALIZAÇÃO

Governo atualiza cadastro e preocupa produtores rurais

MAIS VOOS

Azul Viagens anuncia um aumento de voos para Natal

DESESPERO

Yudi fica na mão de bandidos em assalto

SANÇÃO PRESIDENCIAL

Bolsonaro sanciona com vetos MP da Liberdade Econômica

PECULATO

Deputado é denunciado por desvio de R$ 2 mi da Câmara

TALENTO DA CASA

Artista potiguar vence concurso internacional de arte

comentários