Economia

AGRONEGÓCIO NA FESTA DO BOI

Espaço Terroir do Sebrae terá capacitação e tecnologia para o produtor rural do RN

Sebrae vai destacar tecnologias voltadas para o campo, expor produtos terroir, apresentar soluções socioambientais e oferta capacitação para empreendedores

Por Redação

11 de outubro de 2019 | 17:59

Espaço vai destacar os produtos terroir do RN (Foto: Fernando Liberato/Agência Sebrae)

Produtores e empreendedores rurais têm um encontro marcado a partir deste sábado (12) para capacitação, troca de experiência e conhecimento no Espaço Sebrae Terroir na 57ª Festa do Boi, que será realizada no Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim. O espaço abre a programação às 16h com exposição de produtos terroir, seminário, oficinas e palestras. Com o tema ‘o sabor de cada lugar’, o espaço vai destacar sustentabilidade e valorização local, assim como apresentar inovações tecnológicas voltadas para o agronegócio. Promovido pela Associação Norte-rio-grandense de Criadores (Anorc), o evento será realizado no período de 12 a 19 de outubro. As inscrições para participar do Espaço Sebrae Terroir são gratuitas e podem ser feitas pela internet no site http://www.rn.sebrae.com.br/terroir/

Ganham destaque no local as tradicionais capacitações que são ofertadas a cada edição do evento com palestras, painéis, seminários e oficinas gastronômicas, inclusive essas últimas voltadas também para o público infantil. Os produtos terroir – aqueles cuja origem está intimamente ligada à cultura e condições geográficas de determinada região – serão um dos destaques da programação.

Uma exposição com 32 empresas vai mostrar o potencial dos produtos que carregam o DNA do Rio Grande do Norte e, durante o evento, será apresentado o Manifesto em Defesa do Produto Potiguar. “Queremos com esse manifesto que toda a cadeia do setor de alimentos e bebidas assine e defenda o nosso terroir”, diz a coordenadora do Espaço Sebrae Terroir, Mona Paula Nóbrega.

Sobre a proposta do espaço, a coordenadora explica: “Nesta edição, demos um foco mais amplo ao tema terroir, abrangendo os eixos sustentabilidade, inovação e valorização local em vários momentos da programação”.

A Fazenda Digital será um espaço para apresentar novas experiências, sobretudo na área de tecnologia, capazes de otimizar a produção e gestão da propriedade. 16 startups com soluções para o agronegócio vão estar no local, apresentando as ferramentas desenvolvidas. A proposta é aproximar os produtores e empreendedores rurais às tecnologias acessíveis, para assim obterem rentabilidade, fortalecerem a gestão e ampliarem mercado. Também haverá estações –queijeira, unidade de agroecologia e aviário – e um empório, expondo os produtos terroir.

Competição

O tema tecnologia entrou fortemente na programação do evento. A Social Hack, por exemplo, vai estimular o desenvolvimento de novas ferramentas para os problemas socioambientais. Trata-se de uma competição de ideias inovadoras entre universitários, no estilo hackathon. 55 universitários de 11 instituições vão concorrer para desenvolver uma solução para problemas sociais e ambientais de modo que essa ferramenta pode ser remunerada.

No Demoday de Impacto, previsto para o dia 16, serão apresentados 12 dos 60 negócios participantes do projeto de pré-aceleração de negócios de impacto social do Sebrae. Esses projetos serão expostos para investidores do segmento. “A ideia é que esses grandes empresários avaliem as ferramentas e deem o feedback. A proposta do Demoday é também aproximar esses atores”.

Outro destaque desta edição é a Rodada de Negócios, em que 35 empreendedores potiguares com produtos terroir negociar e apresentar os itens a redes de supermercado, meios de hospedagem, bares e restaurantes. A Rodada de Negócio ocorre no dia 16, no hotel Holiday Inn.

Esse tipo de produto alimentício vai compor também a Cozinha Show Sebrae & Senac, que oferecerá diariamente experiências gastronômicas para crianças e adultos com produtos terroir. Serão realizadas 32 oficinas, que vão ser ministradas por 20 chefs locais. Eles utilizarão esses itens em vários tipos de preparos. Já o Espaço Gastronômico traz uma mostra de queijos e meles terroir de várias partes do Brasil.

A sustentabilidade será abordada nas dezenas de palestras com a realização de um seminário técnico por dia, englobando as áreas de avicultura caipira, meliponicultura, apicultura, produção orgânica, pecuária, fruticultura, aquicultura e sertão empreendedor.

RECOMENDAMOS

NEGOCIAÇÃO

Proposta para reforma tributária pode abrir diálogo

EXPOSIÇÃO JURÁSSICA

Museu abre exposição sobre dinossauros da Bacia do RN

ANATEL CONSUMIDOR

Aplicativo da Anatel facilita queixas contra operadoras

NATAL EM NATAL

Árvore de Mirassol será acesa nesta quarta-feira

DOE VIDA

Julinho precisa de sangue para cirurgia cardíaca

VIVI E CHICLETE

Clima esquenta entre Paolla Oliveira e Sergio Guizé

BONECA DROGADA

Polícia prende homens com boneca cheia de drogas

NEGOCIAÇÃO

Devedores do Estado quitaram R$ 35,26 milhões em um ano

comentários