Geral

MANUTENÇÃO DA HISTÓRIA

Estados Unidos tem interesse em fortalecer o acervo do Museu da Rampa

Diplomata estadunidense se reuniu com senador Jean Paul Prates nessa quarta

Por Redação

14 de março de 2019 | 12:04

Foto: Reprodução

O encarregado de negócios da embaixada dos Estados Unidos no Brasil, William Popp, disse nesta quarta-feira (13) que o país norte-americano tem interesse em fortalecer o Museu da Rampa e o acervo da Fundação Rampa, em Natal. Ele esteve reunido com o senador do Rio Grande do Norte Jean Paul Prates (PT) na sede da embaixada, em Brasília.

Popp ainda informou que nos dias 27 e 28 de março uma equipe do consulado dos EUA que fica em Recife/PE visitará Natal. “Queremos colaborar com o projeto e buscar formas de atrair o público americano e brasileiro”, disse.

O senador Jean Paul Prates falou sobre a importância de incentivar a visitação e fortalecimento dos museus sobre a 2ª Guerra Mundial. Ele ressaltou que Brasil e EUA possuem acervos de grande valor histórico e cultural. “Precisamos fortalecer o intercâmbio cultural entre Brasil e Estados Unidos, além de fomentar o turismo entre os dois países”.

William Popp e Jean Paul Prates se reuniram nessa quarta (13) – Foto: Divulgação

Brasil e Estados Unidos na 2ª Guerra Mundial

O acervo da Fundação Rampa contém registros e conta sobre a relação entre Brasil e Estados Unidos na 2ª Guerra Mundial. A cidade de Natal ficou conhecida como “O Trampolim da Vitória”, por servir de ponto de apoio e abastecimento para forças militares estadunidenses durante o conflito.

Todos os anos, a Fundação Rampa relembra e encena o encontro do presidente brasileiro Getúlio Vargas com o estadunidense Franklin Delano Roosevelt, ocorrido em 1943. Os dois chefes de Estado circularam pela cidade e assinaram acordos entre o Brasil e os Estados Unidos.

Fundação Rampa

A Fundação Rampa foi criada em 2001 com intuito de preservar as edificações da antiga base de hidroaviões do início da década de 40, durante a 2ª Grande Guerra e que também abrigou uma estação de passageiros da Pan Am. Popularmente, um dos prédios ficou conhecido como Rampa, em alusão a rampa de concreto utilizada para a retirada das aeronaves das águas do rio Potengi.

 

RECOMENDAMOS

Voltou atrás

UFRN cancela posse de reitor no Teatro Riachuelo

PESQUISA FIERN/CONSULT

Corte no Sistema S é reprovado por 69% dos potiguares

PESQUISA FIERN/CONSULT

FIERN: 60% dos potiguares desaprovam Governo Bolsonaro

PESQUISA FIERN/CONSULT

Aprovação do Governo Fátima é de 55%

CONSCIENTIZAÇÃO

Começa semana de trabalhos sobre Fissura Labiopalatina

O CHÃO TREMEU

Tremor de magnitude de 8,1 graus abala Noroeste do Peru

INCENTIVO

Uber vem a Natal incentivar carreira tech para meninas

DEBATE

FIERN e SEDEC discutem crescimento econômico

comentários