Sem categoria 20/04/2019 09:45

STF, o iluminista

Por Carlos Linneu T F C

Os ministros na frente, lanterna na mão e nós, atrás.

No bando do capitão Lampião havia um cangaceiro muito religioso, devoto de São Bento.

Cumpade Corisco o apelidou de “Crucifixo”. Rezava muito entre uma ou outra degola e certamente encomendava o corpo de suas vítimas. Uma de suas orações preferidas aprendeu no sertão da Bahia, ensinada por uma dona de cabaré, de Simão Dias:

“Valei-me! Meu Senhor São Bento!
Valei-me! Valei-me! Valei-me!
Livrai-me das cobras
E dos bichos peçonhentos”.

Em palestra ministrada na Universidade de Harvard, o ministro Barroso disse que o STF possui três papéis, um contramajoritário, outro representativo e o último?

O último é o de iluminista. Iluminar os caminhos da nação.

Lá há três iluministas: Dias Toffoli, Alexandre de Moraes e Ricardo Lewandovski.

Iluminam nossos caminhos. Os dois primeiros acabam de nos mostrar os caminhos da censura. Valei-nos, São Bento! Livrai–nos das cobras e do STF!

Carlos Linneu

Biografia Nasceu em Caicó e estudou em São Carlos. Leitor de jornais, a grande universidade.

Descrição Blog opinativo de temas políticos e econômicos, baseado em leituras de jornais e revistas.

todos os blogs

tags

mais lidas