Cultura

40 ANOS DEPOIS

Festival do Forte pode voltar a acontecer em Natal

Evento marcou o segmento cultural da capital na década de 1980

Por Redação

8 de novembro de 2019 | 15:48

Artistas participantes do Festival do Forte que acontecia no Forte dos Reis Magos entre os anos 1970 e 1980. Foto: Arquivo Pessoal/Yuno Silva

O Festival do Forte poderá voltar a ser realizado no Forte dos Reis Magos, em Natal, já no próximo ano. A proposta foi apresentada nesta quinta-feira (7) em audiência pública da Frente Parlamentar da Cultura, Esporte e Lazer na Câmara Municipal de Natal pelo presidente da Fundação José Augusto, Crispiniano Neto. O Festival de Artes do Natal (FAN) está completando 40 anos e marcou uma geração de artistas, produtores culturais e população natalense na década de 1980.

“Há uma mentalidade de que nenhum evento pode acontecer dentro do Forte, mas defendo que temos que colocar cultura ali dentro. Por isso, dentro do projeto expográfico, vamos incluir o FAN que aconteceu lá e, na reinauguração, realizar uma programação retomando o Festival do Forte”, sugeriu o Crispiniano Neto. Contudo, antes mesmo da reinauguração, ele propõe que um evento semelhante seja realizado na Festa de Reis, data em que o evento foi realizado há 40 anos. “Podemos fazer algo alusivo já na Festa de Reis do próximo ano”, propôs.

Veja Também

O festival acontecia no Forte dos Reis Magos e tinha artistas fazendo performances nas ruas e em estabelecimentos entre o Forte e a Praia do Meio, além de concentrar atividade na Fortaleza. A data sempre coincidia com dias de lua cheia. O evento deu visibilidade às expressões artísticas desconhecidas ou com pouca visibilidade na cidade. Os artistas que participavam geralmente não tinham destaque na mídia, até mesmo pelo contexto político da época de regime militar.

Câmara retoma Frente Parlamentar da Cultura com debate sobre Festival do Forte. Foto: Marcelo Barroso/CMNAT

Câmara retoma Frente Parlamentar da Cultura com debate sobre Festival do Forte. Foto: Marcelo Barroso/CMNAT

“Estamos felizes em reativar a Frente porque não dá pra imaginar uma Câmara que não discute cultura de forma permanente. Estamos relembrando os 40 anos do FAN e pensando em projetos semelhantes que podem ser feitos hoje. A Frente promove esse momento de troca de experiências com perspectivas para as discussões futuras”, disse a vereadora Divaneide Basílio (PT), coordenadora da Frente. A reunião contou com a participação do vereador Maurício Gurgel (PSOL), produtores culturais e artistas que foram, inclusive, homenageados pela data festiva do evento histórico para o segmento da cultura natalense.

RECOMENDAMOS

MAIS TEMPO

Câmara aprova 30 min de carência em estacionamentos

LUTO

Morre em Miami o rabino Henry Sobel

EDUCAÇÃO

RN tem 11 finalistas na Olimpíada de Língua Portuguesa

PARA CURTIR O FDS

Praias do RN estão próprias para banho

FEIRINHA DE DOMINGO

Mercado Bem-Te-Vi inicia festejos do Natal em Natal

CASAMENTO DE ABEL E BRITNEY

Globo exibe beijo trans em 'A Dona do Pedaço'

SAÚDE EM JOGO

No Brasil, 84% dos jovens não praticam atividade física

SEGURANÇA

Crea fará fiscalização na estrutura do Carnatal

comentários