Economia

Gasto em compras de Natal deve aumentar 7%, diz Fecomércio

7 de dezembro de 2019 | 08:12

O Departamento de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos da Fecomércio, realizou a pesquisa de intenção de compras para o Natal e uso do 13º salário, em Natal e em Mossoró. Na capital foram entrevistadas 653 pessoas entre os dias 9 e 13 de novembro, e em Mossoró, foram ouvidas 500 pessoas entre os dias 18 e 20 de novembro.

De acordo com a pesquisa, os recursos do 13º salário já têm destino certo: 43,7% dos natalenses e 44,3% dos mossoroenses devem para pagar dívidas; e 25,7% dos natalenses e 34,2% dos mossoroenses vão usar o abono para as compras de final de ano. Ainda tem aqueles de irão usar o dinheiro para pagar as despesas típicas do início do ano, como o IPTU e IPVA (15,1% em Natal e 8,7% em Mossoró).

Quando perguntados se irão comprar presentes neste final de ano, 67,1% dos natalenses e 66% dos mossoroenses responderam que sim. Em 2018, 66,2% dos consumidores natalenses e 65,7% dos mossoroenses pretendiam presentear durante as comemorações do Natal. O perfil das pessoas que pretendem comprar presentes em Natal é de homens (69%), com idades entre 18 e 44 anos (67,9%). Já em Mossoró, a maioria são mulheres (66,2%), com idade entre 18 e 24 anos (73%).

Entre os que não irão presentear (32,9% em Natal e 34% em Mossoró), os principais motivos alegados foram a falta de dinheiro (36,3% – Natal; 48,8% – Mossoró); o desemprego (23,7% – Natal; 14,1% – Mossoró); porque querem poupar (19,1% – Natal; 18,8% – Mossoró); ou porque estão com contas ou dívidas (14,4% – Natal; 17,6% – Mossoró).

Antes das compras, a maioria dos entrevistados (80,6% – Natal; 86,4% – Mossoró) afirmam que vão fazer pesquisa de preço. E os produtos mais procurados devem ser as roupas, que aparecem inclusive com o mesmo percentual nas duas cidades (57,3% das intenções). Em seguida vem os brinquedos (26,5% – Natal; 23,6% – Mossoró); os itens de perfumaria (21,5% – Natal; 18,8% – Mossoró); e os calçados (15,5% – Natal; 15,8% – Mossoró). A maioria dos entrevistados querem comprar até três presentes (65,1% – Natal; 67,9% – Mossoró).

Já o valor do gasto médio com os presentes deste ano deverá aumentar. Em Natal, o gasto médio será de R$ R$ 310,67, um aumento de 7% em relação à pesquisa de 2018, quando o gasto médio foi de R$ 290,34. Em Mossoró, os entrevistados vão desembolsar em média R$ 287,88, contra R$ 271, 41 em 2018, o que equivale a um aumento de 6,1%.

Com relação à forma de pagamento, a mais usada deverá ser a modalidade à vista em dinheiro (61,6% – Natal; 52,4% – Mossoró). Em seguida vem o cartão de crédito no parcelado (31,1% – Natal; 39,1% – Mossoró); e no cartão de débito (6,8% – Natal; 7,6% – Mossoró).

Os principais presenteados neste período natalino serão os filhos (47,3% – Natal; 48,2% – Mossoró); as mães (43,4% – Natal; 44,2% – Mossoró); os cônjuges (31,7% – Natal; 25,2% – Mossoró); e os pais (24,4% – Natal; 23,6% – Mossoró).

Quanto ao que mais deverá influenciar na hora da compra, foram mencionados 4 motivos: o desejo da pessoa presenteada (43,2% – Natal; 47,3% – Mossoró); o preço do produto (32,4% – Natal; 31,2% – Mossoró); os descontos/promoção da loja (16,4% – Natal; 15,2% – Mossoró); e a qualidade do produto (13,7% – Natal; 12,4% – Mossoró).

Em Natal, os locais de compra mais citados pelos entrevistados foram os shoppings centers (42,9%) e o comércio de rua (42,2%). Já em Mossoró, os o comércio de rua aparece na primeira colocação (57,6%), e em seguida aparecem os shoppings centers (23,6%). Quanto às formas de atrair os clientes, os consumidores natalenses prezam principalmente pelas promoções (46,1%); pelo bom atendimento (30,5%) e pelos descontos (27,7%). Já os mossoroenses prezam pelo preço (43,9%) e pela variedade de produtos (25,2%).

Nesta época também são tradicionais as comemorações, e a maioria pretende comemorar o Natal em casa (48,9% – Natal; 42,3% – Mossoró) e na casa de parentes (25,6% – Natal; 22,5% – Mossoró). Os que têm planos de viajar no fim de ano somam 23,6% em Natal e 40,4% em Mossoró.

RECOMENDAMOS

What You Need to Do About Research Paper Writing Service

The Untold Story on Assignment Help Academic You Really Need to Read or Be Left Out

The History of Assignment Helper Assignment Refuted

Nurse Suggestions to Look after Individuals

Essay Writer Service - The Best Way to Find the Cheapest

Essay Writer Assistance - How to Find the Cheapest

PORTAL NOAR encerra atividades

Ano começa com chuva em todas as regiões do RN

comentários