Política

PRIMEIRA PARTE

Governo anuncia início do pagamento de salários atrasados

Pregão da antecipação dos royalties deu deserto, mas o falta do 13º de 2017 será pago

Por Redação

26 de abril de 2019 | 15:00

Com o pregão  cessão de antecipação dos royalties do petróleo e gás natural deserto, ou seja, nenhuma instituição financeira apresentou proposta, o Governo do Estado vai utilizar o valor dos royalties dos meses de maio e junho para iniciar o pagamento dos salários atrasados dos servidores. O anúncio foi feito ao final do pregão deserto, realizado na manhã desta sexta-feira (26). Segundo o Governo, o pagamento será feito de forma cronológica, conforme acordo firmado com o Fórum dos Servidores.

O secretário estadual de Planejamento e das Finanças, Aldemir Freire, ressaltou que o Estado se programou financeiramente durante o primeiro quadrimestre do ano para usar o valor dos royalties, a partir do mês de maio, na amortização do passivo deixado pela última gestão. “Nossa estratégia era a antecipação dos valores de maio deste ano até dezembro de 2022, um volume aproximado de R$ 400 milhões. Até o novo pregão, usaremos o valor em torno de R$ 28 milhões, de maio e junho, para quitar o décimo terceiro salário de 2017”, disse. Mas, ainda faltará pagar quase três folhas atrasadas.

RECOMENDAMOS

SEMIABERTO

Ex-governador Fernando Freire deixa a prisão

CONDENADO

Pedreiro que matou menina Iasmin pega 31 anos de prisão

PROTEÇÃO

Preocupação com segurança de dados é a maior em 10 anos

EXPECTATIVA

Lei da Microempresa deve gerar empregos,diz Álvaro Dias

QUINTO CONSTITUCIONAL

OAB realiza sabatina com os 23 candidatos ao TRT21

EXPLICAÇÕES

Moro nega existência de acordo para assumir vaga no STF

OTIMISMO

Lei dará "condições especiais" às microempresas, diz CD

TV NO AR

Veja propostas de Marisa Almeida na eleição do Quinto

comentários