Interior

FEMINICÍDIO

Homem é preso suspeito de matar ex-mulher a tiros em João Câmara

Crime ocorreu no mês passado e ele era considerado foragido

Por Redação

29 de maio de 2019 | 14:14

Anderson Cleiton Bezerra da Silva é conhecido como Dico. Divulgação/Assecom PCRN

Uma investigação da Polícia Civil em João Câmara resultou na prisão, na noite de ontem (28), de Anderson Cleiton Bezerra da Silva, 38 anos, conhecido como Dico, suspeito de ter matado a ex-esposa Februska Emanuely Ferreira, no dia 17 de abril deste ano, na cidade de João Câmara. O suspeito foi preso ao apresentar-se no plantão da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM) Zona Norte de Natal.

Anderson Cleiton foi detido em cumprimento a um mandado de prisão expedido pela Vara Única da Comarca de São Bento do Norte. No mesmo dia do crime, a Justiça deferiu o mandado de prisão, porém o suspeito havia fugido da cidade, logo após o cometimento do crime e estava sendo procurado pela Polícia Civil.

Investigações feitas pela Polícia Civil revelaram que ele primeiramente fugiu para Acari, permanecendo três dias dentro do mato. Após isso, foi em direção a Caicó e se desfez da arma de fogo no percurso, jogando-a dentro de um açude. Na sequência, Anderson Cleiton se deslocou de bicicleta pelo Nordeste, passando por vários Estados. Porém, na noite desta terça-feira (28), ele decidiu se entregar a Polícia Civil.

RECOMENDAMOS

RISCO PARA ECONOMIA

Indústria do sal aponta prejuízos de portaria do ICMBio

DE SAÍDA

No último dia, Dodge contesta decisões de Bolsonaro

INCÊNDIO FLORESTAL

Bombeiros neutralizam mais focos de incêndio em Patu

PREVIDÊNCIA

PMs podem integrar reforma de militares

NOITE DE TERROR

Homens rendem vítimas e fazem arrastão em casa

PREVENÇÃO

Vacina da dengue está na última fase de testes

FIM DA GREVE

Paralisação parcial dos Correios é suspensa

FORÇA TAREFA

Bombeiros reforçam combate a incêndio em Patu

comentários