Geral

DENÚNCIA

Médica rasga receita de paciente que disse não votar em Bolsonaro em Natal

SindSaúde foi procurado pelo paciente e registrou B.O

Por Redação

9 de outubro de 2018 | 15:42

O Sindicato dos Servidores da Saúde do estado (SindSaudeRN) denunciou nesta terça-feira (9) que uma médica do hospital Giselda Trigueiro, em Natal, rasgou a receita de um paciente após o ele responder para ela que não votaria em Jair Bolsonaro, ccandidato do PSL à Presidência da Repúbica, que disputa a reeleição com Fernando Haddad, do PT. O sindicato não divulgou o nome da médica, mas distribuiu cópias do Boletim de Ocorrências, registrado na 7ª Delegacia de Polícia.

O caso teria acontecido na manhã de ontem (08). Uma médica, infectologista do hospital Giselda Trigueiro, rasgou a receita de um paciente após o mesmo responder que não votaria em Bolsonaro. A vítima é um aposentado da saúde, que já foi servidor da unidade. Esse servidor, de cordo com o Sindicato, tem 72 anos e é paciente de outra médica que não estava na unidade e por isso foi atendido pela profissional que teria atendido e assinado sua receita.

A infectologista, com a receita em mãos, perguntou em quem o senhor iria votar para presidente e ele respondeu que votaria em Haddad. Após sua resposta, diz o SindSaúde, a médica disse: “Então pronto, eu vou rasgar sua receita”, rasgou e saiu.

Outros funcionários do hospital teriam presenciado a cena e o aposentado procurou o serviço social, que encaminhou para outro médico e assim recebeu a receita. O idoso procurou o Sindsaúde, que entrou em contato com a ouvidoria do hospital e já está tomando providência pela via jurídica. O Boletim de Ocorrência foi feito na companhia da vice-coordenadora do Sindsaúde, Simone Dutra e a assessoria jurídica do sindicato.

“A postura desta médica é inadmissível! Além de ser um desrespeito e um constrangimento ao aposentado, fica clara a utilização da sua profissão e do serviço público para coagir o voto no seu candidato. O Sindsaúde não tolerará atos como este e já está tomando todas as medidas jurídicas e políticas”, disse Simone.

RECOMENDAMOS

ESTATÍSTICA

RN tem frota superior a 1,3 milhão de veículos

CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO

Senai-RN abre mais de 1.700 vagas gratuitas

CONHECIMENTO DELICIOSO

Festa junina é aula de gastronomia e história

DESAFIOS DO DIA A DIA

Papel das micro empresas sé tema de seminário da CNI

LDO 2020

Emendas preveem 1º Centro de Exame por Imagem de Natal

LOTERIA

Mega-Sena sorteia R$ 6,2 milhões nesta quarta-feira

INTEGRAÇÃO SOCIAL

Saque do abono salarial do PIS 2018/2019 vai até sexta

CHOQUE FATAL

Motorista morre em acidente entre carro e van na RN-160

comentários