Interior

SISMOS

🔊Novo tremor foi registrado em cidade potiguar

Tremores em municípios potiguares têm sido frequentes

Por Redação

13 de setembro de 2019 | 16:11

🔊Ouça a matéria:

Na última quarta-feira (11), por volta das às 11h47min foi registrado um novo tremor no Rio Grande do Norte. Mais uma vez, o evento foi no município de Taipu, distante 54 km de Natal com magnitude preliminar 1.0. A cidade já tinha passado por situação semelhante no mês passado, quando no dia 3 de agosto ocorreu um sismo de magnitude 1.3 e quatro dias depois um novo tremor de magnitude 1.2. As informações são do Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN).

Estações da Rede Sismográfica Brasileira (RSBR) operadas pela universidade também registraram o novo evento, sendo uma das estações localizada no município de Riachuelo/RN que fica a 48 km de Taipu. O LabSis diz que não dá para prever se essa atividade sísmica vai evoluir. “É possível que a atividade cesse, fique na situação atual, com a ocorrência esparsa de eventos, ou recrudesça, com a ocorrência de eventos de maior magnitude que os até agora observados. O último sismo registrado e divulgado na região ocorreu em 07/08/2019, e teve sua magnitude estimada em 1.2”, informou.

O LabSis comunicou que segue monitorando a atividade sísmica da região Nordeste em tempo real.  O último tremor no Rio Grande do Norte havia sido registrado no dia 5 passado no município de Caraúbas, região Oeste do estado.

RECOMENDAMOS

LOTERIA INSTATÂNEA

'Raspadinha' pode faturar até R$ 115 bilhões em 15 anos

VALOR EXTRA

Taxa adicional da bandeira vermelha subirá em novembro

HISTÓRIA DO CRIME

'Homem-Fera' é preso na operação 'Montanha da Serpente'

PROJETO BORBOREMA

Mineradora vai explorar ouro de Currais Novos em 2020

FIQUE ATENTO

Veja cuidados com manchas de óleo nas praias

ECONOMIA POTIGUAR

Governo vai construir 15 queijeiras no Seridó Potiguar

NATAL EM NATAL

Aberta seleção de artesãos e cooperativas para Árvore

REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Previdência segue para fase final no plenário do Senado

comentários