Geral

ENERGIA DESVIADA

Operação acaba com ‘gatos’ em Parnamirim

26 ligações irregulares foram desativadas pela Cosern em Cajupiranga

Por Redação

17 de junho de 2019 | 17:10

Foto: Divulgação/Cosern

Equipes técnicas da Cosern identificaram e desativaram 26 ligações clandestinas de energia elétrica (o popular “gato”) que abasteciam residências de forma irregular no bairro de Cajupiranga, em Parnamirim, na manhã desta segunda-feira (17).

De janeiro até agora, a Cosern já fez 26.233 inspeções e desativou 3.248 ligações clandestinas em todo estado. Com essa ação, o volume de energia recuperado pela concessionária seria suficiente para abastecer, por exemplo, os municípios de Macaíba e de Jucurutu juntos durante um ano ou o de Pedro Velho durante um mês.

O “gato” de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal e a pena para o responsável pela fraude pode chegar a 04 (quatro) anos de reclusão. De janeiro até agora, 07 pessoas já foram presas em flagrante em todo estado cometendo a irregularidade.

Além de crime, o “gato” representa risco de morte a quem faz e a quem está próximo. A ligação clandestina também provoca perturbações no fornecimento de energia da região e pode provocar a queima de eletrodomésticos dos vizinhos.

A população pode colaborar com a “Operação Varredura” denunciando as fraudes, de forma anônima e segura, no telefone 116 ou no site da Cosern.

RECOMENDAMOS

REFORÇO

Governo nomeará 57 agentes penitenciários concursado

VENCEDORA

Professora de Nova Cruz ganha Prêmio Educador Nota 10

SELO ARTE

Lei de Bolsonaro permite que RN venda queijo para fora

BENEFÍCIO

Proposta poderá incluir turismo como direito do idoso

REPRESENTANDO O RN

Mulheres são maioria dos atletas potiguares no Parapan

JUVENTUDE PERDIDA

Gravidez de jovens no Brasil é maior que do continente

PORTAS PARA O FUTURO

Cursos do Senai serão oferecidos na cidade de Goianinha

MUTIRÃO NO PRESÍDIO

DHPP fechará em agosto inquérito do massacre de Alcaçuz

comentários