Interior

LUCTUS

[VIDEO] Operação apura esquema de venda ilegal de túmulos em Mossoró

Ação cumpre mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão

Por Redação

19 de novembro de 2019 | 06:56

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deflagrou nesta terça-feira (19) a operação Luctus, com o objetivo de apurar um esquema fraudulento de cobranças e recebimentos de valores indevidos relacionados a lotes dos cemitérios públicos Novo Tempo e São Sebastião, localizados em Mossoró. A operação cumpre mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão.

A operação é resultado de uma investigação realizada pela 11ª Promotoria de Justiça de Mossoró e pelo Gaeco para apurar os crimes de concussão e corrupção passiva, violação de sepultura e vilipêndio de cadáver, cometidos por uma organização criminosa que atua na cidade, tendo funcionários públicos como integrantes, incluindo diretores dos cemitérios Novo Tempo e São Sebastião como ocupantes de elevada posição no esquema.

A operação Luctus conta com a participação de 11 promotores de Justiça; 14 servidores do MPRN e 12 equipes policiais. O nome da operação refere-se ao termo luto, em latim.

RECOMENDAMOS

CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO

Governo muda indicação de duas vacinas em 2020

MUDANÇA NO TRÂNSITO

Mário Negócio terá faixa semi-exclusiva nesta segunda

NOVA CHANCE

Mega-Sena acumulou com R$ 25 milhões no próximo sorteio

OPERAÇÃO

PF apreende 1,2ton de droga a caminho do porto de Natal

INCENTIVO

Agricultura Familiar do RN ganhará linha de crédito

CAPACITAÇÃO

Casa do Menor Trabalhador forma 700 alunos em Natal

MUDANÇAS

Bolsa Família será reformulado com valores maiores

CONGRESSO TUCANO

PSDB diz que terá candidato a Presidência em 2022

comentários