Política

GOIANINHA

PGR quer prisão de Dison Lisboa, que recorre ao STF

Ex-prefeito de Goianinha tenta habeas corpus pare reduzir pena de cinco anos

Por Redação

16 de maio de 2017 | 10:17

O deputado estadual Dison Lisboa (PSD) tenta no Supremo Tribunal Federal habeas corpus contra decisão do Superior Tribunal de Justiça.

O STJ determinou ao Tribunal de Justiça do RN a adoção das medidas que se fizerem necessárias para a execução de pena de cinco anos de prisão por fatos que são imputados a Dison à época em que foi prefeito de Goianinha.

A decisão do STJ, de fevereiro deste ano, destaca que “a confirmação da decisão condenatória em segundo grau, autoriza o início do cumprimento da pena reclusiva pelos condenados, ainda que não tenha havido o transito em julgado”.

A defesa de Dison alega que não está sendo considerado o atenuante de que ele ressarciu os cofres públicos, o que poderia reduzir a pena de cinco anos. Assim, ingressou com habeas corpus pedindo, em liminar, suspensão da execução imediata da pena e, no mérito, a diminuição da pena.

RECOMENDAMOS

TROFÉU CULTURA

Evento homenageia destaques da educação e cultura do RN

ESTIMATIVA

Mercado reduz projeção de crescimento da economia

MELHOR PRATO

Cuscuz nordestino: sustança do dia-a-dia do trabalhador

REPRESENTANDO O RN

Equipe potiguar se classifica para Mundial de Robótica

6 anos NoAr

Portal NoAr completa seis anos

ATRAÇÃO LOCAL

Plutão Já Foi Planeta faz show em Natal nesta terça

HONRARIA

CDL Natal cria medalha para policiais e bombeiros

NOVO REAJUSTE

Preço médio da gasolina nas refinarias subirá 0,5%

comentários

ANUNCIE JÁ!

RUA DESEMBARGADOR BENÍCIO FILHO, N° 465 PETRÓPOLIS CEP: 59014-470

PABX:

2020-1200

REDAÇÃO:

2020-1200

COMERCIAL:

2020-1200

FALE CONOSCO

Nome
TELEFONE
E-MAIL