Geral

CAÇADA EM EXTREMOZ

PM é baleado ao reagir a assalto e criminosos morrem após confronto com a PM

Sargento reage a assalto e criminosos são mortos em confronto com a PM em praias de Extremoz

Por Geraldo Miranda

25 de agosto de 2017 | 09:44

Um policial militar foi baleado na perna após reagir a um assalto em um na noite desta quinta-feira (24), na praia de Genipabu, localizada no município de Extremoz. Segundo informações da Polícia Militar o sargento estava em um mercado por volta das 23h, quando três homens entraram no local e anunciaram o assalto.

O policial reagiu e houve luta corporal seguida de troca de tiros. O PM foi atingido na perna, mas foi socorrido e enviado ao Hospital Walfredo Gurgel (HWG). A Polícia Militar foi acionada e ao chegar ao local foram informados por testemunhas que os criminosos fugiram em um taxi.

Os policiais fizeram buscas e localizaram o veículo na praia de Santa Rita. Com a ajuda do taxista, os policiais armaram uma operação para fazer a captura do trio. Os criminosos apareceram em um morro e houve nova troca de tiros.

Ferido, um dos criminosos foi socorrido, mas não resistiu ao ferimento e morreu a caminho do hospital. Os dois comparsas conseguiram fugir, mas na manhã desta sexta-feira (25) os moradores encontraram dois corpos sem identificação.

Após a chegada da PM no local, os corpos foram reconhecidos e identificados como os dois comparsas do trio. O Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP) foi acionado para recolher os corpos. O taxista foi levado pelos policiais a Central de Flagrantes da Polícia Civil.

RECOMENDAMOS

TALENTO UNIVERSITÁIRO

Prêmio Capes distribuirá R$ 5 mil para mil colocados

DECISÃO

Final do Matutão será neste domingo na Arena das Dunas

ACORDO BILATERAL

Brasil e Paraguai terão livre comércio de automóveis

INCENTIVO ÀS COMPRAS

Prefeitura e CDL lançam show de prêmios em Parnamirim

SORTE

Mega-Sena pode ter prêmio de R$ 3 milhões

OLHO NU OLHO

Evento com arte trata do sentido da visão

SEM TRANSPARÊNCIA

Bolsonaro mantém gastos do cartão corporativo em sigilo

PREVISÃO

Fecomércio: Gasto em compras de Natal deve aumentar 7%

comentários