Geral

Polícia Militar irá investigar PMs envolvidos na Operação Novos Rumos

Comandante da PM, Coronel Ângelo, afirmou que não irá aceitar a corrupção na instituição (Foto: Hana Dourado/Portal Noar)

Comandante da PM, Coronel Ângelo, afirmou que não irá aceitar a corrupção na instituição (Foto: Hana Dourado/Portal Noar)

O Comando Geral da PM informou nesta segunda-feira (5), que irá investigar os PMs citados na Operação Novos Rumos. Deflagrada pelo Ministério Público, a Operação Novos Rumos prendeu doze dos 14 policiais suspeitos de desvio de conduta dentro da corporação.

Segundo o comandante da Polícia Militar, Coronel Ângelo, os dois militares que não foram detidos durante a Operação Novos Rumos serão investigados. Até o momento, os militares estão realizando suas diligências normalmente, mas serão transferidos para os setores administrativos.

“Nós não passamos a cabeça de ninguém. Pode ser praça ou oficial. O comando da PM não irá tolerar a corrupção dentro da corporação. Esses policiais que estão soltos serão investigados”, ressaltou.

Ainda de acordo com o comandante geral da Polícia Militar, o desvio de conduta na corporação representa menos de 1% da instituição. Segundo o Coronel Ângelo, todas as condutas reprováveis que surgirem dentro da PM serão investigadas através da corregedoria e demais setores de regulação de conduta da polícia.

“Esses menos de 1% não serão tolerados. Sempre que houver indícios de desvio de conduta, nós iremos abrir um processo de administração e, se ao final da apuração houver culpabilidade, medidas administrativas serão tomadas contra essas pessoas”, afirmou.

RECOMENDAMOS

Mourão classifica militar preso como 'mula qualificada'

Luciano Huck e Angélica agradecem apoio e mostram como ficou crânio do filho após grave acidente

Parceria entre ITEP e Correios facilita a emissão de novos RG's no RN

Presidente da Fiern participa do 6º Seminário Pense nas Pequenas Primeiro

CCJ do Senado aprova projeto de abuso de autoridade

Militar preso com cocaína estaria em voo de volta com Bolsonaro, diz Mourão

Papa Francisco expressa tristeza por imagem de pai e filha afogados na fronteira entre México e Estados Unidos

Crianças e animais são as maiores vítimas da queima de fogos nas festas juninas

comentários