Geral

INVESTIGAÇÃO

Polícia prende homem por atirar em manicure dentro de salão

Atentado aconteceu no dia 13 de abril em Parnamirim

Por Redação

7 de maio de 2019 | 12:47

Material apreendido

Um homem que invadiu um salão de beleza, em Parnamirim, para matar a ex-companheira foi preso por policiais civis. Lindenor Simão de Freitas, de 50 anos, efetuou cerca de oito disparos de arma de fogo contra a manicure Ayla Taise Barbosa Moreira, de 32. O atentado aconteceu no dia 13 de abril.

Lindenor de Freitas

Lindenor de Freitas foi preso nessa segunda-feira, 6, na zona rural de Macaíba, na Grande Natal. Contra ele, a Justiça já havia expedido um mandado de prisão preventiva. Ele é investigado por tentativa de feminicídio e por descumprimento das medidas protetivas de urgência contra a ex-companheira.

A prisão do homem levou também a outras duas autuações. A atual mulher dele, Jacqueline de Sousa Penha, vai responder por receptação dolosa já que, com ela, foram encontrados o aparelho celular, documentos e cartões de crédito de Ayla. Já o pai de Lindenor, Luiz Alexandre de Freitas, foi autuado pelo crime de posse ilegal de arma de fogo.

RECOMENDAMOS

POLÍCIA

Homens em carro roubado morrem após perseguição da PM

TRANSPORTE DE CARGAS

ANTT publica novas regras para cálculo do frete mínimo

DESATIVADDA

Saiu a sentença de recuperação judicial da Multidia

DIÁLOGO

AGN-RN e IMD discutem parceria para startups potiguares

REFORÇO NA SEGURANÇA

Polícia Civil receberá R$ 2 milhões em viaturas e armas

MUNDO MÁGICO LITERÁRIO

Feira de Livros e Quadrinhos de Natal será em setembro

VÍDEO

Dengue: Imóvel abandonado preocupa moradores no Alecrim

TUDO LIBERADO

Grande Natal tem todas as praias próprias para o banho

comentários