Geral

INVESTIGAÇÃO

Polícia prende suspeito de matar motorista da Uber

Homem preso em Parnamirim confessou crime

Por Redação

20 de setembro de 2018 | 11:10

A Polícia Civil prendeu, nesta quarta-feira (19), um dos suspeitos de envolvimento na morte de Giltemberg Gomes Soares, motorista da Uber que estava desaparecido desde o dia 5 deste mês. A Polícia Civil chegou até o homem, em uma casa de Parnamirim, após denúncia anônima.

José Carlos de Oliveira Júnior foi preso por policiais de Arez, Goianinha e Parnamirim. Ele teria participado do roubo de um carro, de modelo Eco Sport, no dia 17 de setembro, em Arez. O suspeito também tinha contra si um mandado de prisão pelos crimes de latrocínio, roubo e tráfico de drogas.

Chegando ao local, os policiais encontraram o suspeito na casa com diversos objetos que eram do motorista encontrado morto. Ele foi levado, inicialmente, à Delegacia Regional de Goianinha e lá confessou ter participado da morte de Giltemberg Gomes.

Os policiais repassaram o caso à Delegacia de Polícia Civil do Interior (DPCIN), que irá chefiar as investigações para chegar aos outros suspeitos do assassinato do motorista.

RECOMENDAMOS

ESTATÍSTICA

RN tem frota superior a 1,3 milhão de veículos

CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO

Senai-RN abre mais de 1.700 vagas gratuitas

CONHECIMENTO DELICIOSO

Festa junina é aula de gastronomia e história

DESAFIOS DO DIA A DIA

Papel das micro empresas sé tema de seminário da CNI

LDO 2020

Emendas preveem 1º Centro de Exame por Imagem de Natal

LOTERIA

Mega-Sena sorteia R$ 6,2 milhões nesta quarta-feira

INTEGRAÇÃO SOCIAL

Saque do abono salarial do PIS 2018/2019 vai até sexta

CHOQUE FATAL

Motorista morre em acidente entre carro e van na RN-160

comentários