Geral

TRANSPORTE

Preço da passagem de trem pode ter aumento em Natal

Tribunal Federal liberou ajuste no preço para a capital potiguar e mais quatro cidades

Por Redação

23 de abril de 2019 | 15:13

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) liberou o reajuste da tarifa dos trens urbanos em Natal e também em João Pessoa, Recife, Maceió e Belo Horizonte. A liberação foi publicada nessa segunda-feira (22).

Na decisão, o desembargador Carlos Moreira Alves disse que a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) não consegue cobrir os custos de operação com os recursos próprios. Além disso, ele determinou que a empresa justifique o aumento da tarifa com dados que comprovem a perda inflacionária.

Em nota, a CBTU informou que “vai avaliar os próximos passos que serão dados acerca da questão”. O texto acrescenta ainda que “este reequilíbrio representa uma necessidade orçamentária diante de anos de congelamento de tarifas e aumento de custos operacionais e manutenção” e que “será aplicado no momento exato após as mudanças na operação que a empresa precisa realizar em suas bilheterias”.

De acordo com a companhia, as passagens de trens em Natal não sofrem reajuste desde 2004. Na capital potiguar, a valor da passagem havia saído de R$ 0,50 para R$ 1 em maio do ano passado. No entanto, por determinação da Justiça Federal, o valor voltou para o original em novembro.

À época do aumento, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) disse que o reajuste seria uma forma de viabilizar a prestação dos serviços. No RN, os trens fazem as ligações de Natal com Parnamirim, Extremoz e Ceará-Mirim, em viagens de segunda a sábado.

RECOMENDAMOS

PARCEIROS

Bolsonaro participará de jantar com Trump nos EUA

ALERTA

Arboviroses: Sesap reforça orientação aos municípios

MAIS ORGANIZAÇÃO

Evento leva dicas de organização para shopping em Natal

ATUALIZAÇÃO

Governo atualiza cadastro e preocupa produtores rurais

MAIS VOOS

Azul Viagens anuncia um aumento de voos para Natal

DESESPERO

Yudi fica na mão de bandidos em assalto

SANÇÃO PRESIDENCIAL

Bolsonaro sanciona com vetos MP da Liberdade Econômica

PECULATO

Deputado é denunciado por desvio de R$ 2 mi da Câmara

comentários