Gente no AR

"ME COBRAM MUITO"

Reynaldo Gianecchini quebra silêncio sobre sexualidade e revela que já transou com homens

"Quando é que você vai sair do armário?" Acho essa expressão cafona, ultrapassada e preconceituosa", disse o ator à revista Ela do jornal O Globo.

Por Gabriela Marçal

30 de setembro de 2019 | 10:01

Foto: Reprodução/Instagram

“Todo mundo fala da minha sexualidade, né? Me cobram muito, “quando é que você vai sair do armário?” Acho essa expressão cafona, ultrapassada e preconceituosa”, disse Reynaldo Gianecchini em entrevista para Ruth de Aquino publicada neste domingo, 29, na revista Ela, do jornal O Globo.

Ao ser questionado se já teria transado com homens o ator global respondeu: “Já tive, sim, romances com homens e acho que é esse o momento de dizer isso. Mas nunca me senti obrigado a empunhar bandeira de homossexualidade. O desejo para mim não passa pelo gênero e nem pela idade. Demorei para falar porque isso esbarra sempre no tamanho do preconceito no Brasil. Mas agora é importante reafirmar a liberdade, por mim e por quem enfrenta repressão”.

Em agosto de 2017, circulou nas redes sociais uma foto e publicações que indicavam que Reynaldo Gianecchini teria beijado um homem na praia. Na época, os internautas apoiaram o ator e viram o suposto beijo gay com bom humor.

“Pelo menos ele tem alguém para beijar”, escreveu o usuário Victor Carapelli. Não há confirmação de que a pessoa na foto seja, de fato, Gianecchini. Além disso, a qualidade da imagem não permite ter certeza se houve beijo ou não. “Deu até uma inveja, queria tá beijando também”, tuitou a usuária que utiliza o nome unicorn. Outros defenderam o direito do ator de se relacionar com qualquer pessoa por quem ele se sinta atraído, independentemente do sexo. “Reynaldo Gianecchini pode ser bi! Ou Gay? Ele é o que ele quiser. O importante é aproveitar os momentos felizes da vida”.

Na ocasição a assessoria de imprensa do ator respondeu ao E+ que o boato era “uma maldade, não tem nada demais o nosso ator Reynaldo Gianecchini cumprimentando um amigo”.

Neste domingo, 29, em entrevista à revista Ela, além de falar sobre carreira e vida pessoal, o ator comentou sobre sua sexualidade. “Primeiro, quero falar para essas pessoas: antes de você achar tão interessante a sexualidade dos outros, dá uma olhadinha na sua. Talvez ela tenha mais nuances do que você pensa. Eu reconheço todas as partes dentro de mim: o homem, a mulher, o gay, o hétero, o bissexual, a criança e o velho. Como dentro de todo mundo. A sexualidade é muito mais ampla e as pessoas são levianas. Querem te encaixar numa gaveta, e eu não consigo, porque a sexualidade é o canal da vida e a minha sexualidade não cabe numa gaveta. Nossas questões e tabus passam por esse canal. Não é à toa que cada um tem seus fetiches, suas particularidades. E não tenho vontade de falar com quem estou transando, não preciso falar. Prezo minha liberdade de não citar nomes e proteger minha privacidade.”

Gianecchini confirma que as especulações sobre ser gay existem desde quando se relacionava com Marília Gabriela; o ator e apresentadora foram casados de 1999 a 2006. “Já falavam desde a Marília, amore, eu era casado pra caramba, nunca vi um casamento tão inteiro, a gente vivia realmente uma história a dois de verdade. E já falavam coisas”.

O ator de 46 anos comentou o que as gerações mais jovens pensam a respeito de estereótipos para a sexualidade. “Para essa galera de vinte e poucos anos não existem mais esses rótulos. Acham horrível essa história de hétero ou gay. Uma amiga empresária, hétero a vida inteira, se apaixonou loucamente por uma mulher e casou com ela. O filho dela é a coisa mais fofa e repreendeu a mãe: ‘Você disse gay? Esquece essa palavra’. Esse menino fala na frente da namorada: ‘Aquele rapaz é lindo, eu pegava’. Não é mais uma questão”.

O intérprete do personagem Régis em A dona do pedaço também falou sobre a presença da atriz transexual Glamour Garcia no elenco da novela da Globo. “Acho muito legal e merecido o destaque para a Britney (personagem da atriz Glamour Garcia). Os trans estão próximos da gente, amigas têm filho trans e acho lindo a novela mostrar. E a menina está fazendo muito sucesso. Fico bem feliz porque é um dos personagens mais amados, deixa de ser bicho-papão, sai do gueto. Vai falar que isso não tem valor na televisão? Acho sempre válido e as novelas brasileiras cumprem esse papel muito bem.”

RECOMENDAMOS

SAÚDE NA TERCEIRA IDADE

Evento aborda envelhecimento saudável em Natal

VEJA DETALHES DA FESTA!

Jennifer Lawrence se casa com Cooke Maroney

LEI MUNICIPAL

Criança deverá ter contato dos pais para ir a eventos

PROGRAMAÇÃO

2° Passeio histórico na Ribeira acontece neste sábado

NEGÓCIOS DE FAMÍLIA

Cases do RN cativam em evento de empreendedorismo

OPORTUNIDADE

IEL-RN lança edital de processo seletivo

DESASTRE AMBIENTAL

Pesquisadores encontram óleo nos parrachos de Pirangi

ACIDENTE

Avião cai no meio da rua em Belo Horizonte

comentários