Economia

DINHEIRO

Saques da poupança superam depósitos em R$ 4,02 bilhões em fevereiro

Foi o segundo mês seguido de retirada líquida

Por Kelly Oliveira/Agência Brasil

8 de março de 2019 | 16:49

Os saques da caderneta de poupança superaram os depósitos em fevereiro. A retirada líquida (descontados os depósitos) ficou em R$ 4,020 bilhões, informou nesta sexta-feira (8) o Banco Central (BC). Foi o segundo mês seguido de retirada líquida – em janeiro chegou a R$ 11,232 bilhões.

Em fevereiro do ano passado, também houve retirada líquida, no total de R$ 708,116 milhões. O resultado negativo do mês passado foi o maior para o mês desde de 2016, quando houve retirada líquida de R$ 6,638 bilhões.

No mês passado, foram depositados na caderneta de poupança R$ 181,996 bilhões. Os saques durante o segundo mês do ano somaram R$ 186,017 bilhões.

Em fevereiro deste ano, os rendimentos da aplicação mais popular do país chegaram a R$ 2,965 bilhões. O saldo atualmente depositado na poupança está em R$ 787,933 bilhões.

Pela legislação em vigor, o rendimento da poupança é calculado pela soma da Taxa Referencial (TR), definida pelo BC, mais 0,5% ao mês, sempre que a taxa básica de juros (Selic) estiver acima de 8,5% ao ano.

Quando a Selic é igual ou inferior a 8,5% ao ano, como ocorre atualmente, a remuneração da poupança passa a ser a soma da TR com 70% da Selic. Hoje, a taxa Selic está em 6,5% ao ano.

RECOMENDAMOS

Voltou atrás

UFRN cancela posse de reitor no Teatro Riachuelo

PESQUISA FIERN/CONSULT

Corte no Sistema S é reprovado por 69% dos potiguares

PESQUISA FIERN/CONSULT

FIERN: 60% dos potiguares desaprovam Governo Bolsonaro

PESQUISA FIERN/CONSULT

Aprovação do Governo Fátima é de 55%

CONSCIENTIZAÇÃO

Começa semana de trabalhos sobre Fissura Labiopalatina

O CHÃO TREMEU

Tremor de magnitude de 8,1 graus abala Noroeste do Peru

INCENTIVO

Uber vem a Natal incentivar carreira tech para meninas

DEBATE

FIERN e SEDEC discutem crescimento econômico

comentários