Geral

CRENÇA DA GOVERNADORA

‘Se Deus quiser, Complexo da Rampa será entregue em 2019’, diz Fátima

Petista visitou as obras de reforma nessa terça-feira (22)

Por Redação

24 de janeiro de 2019 | 10:14

Fátima em visita ao Complexo da Rampa - Foto: Reprodução/Governo do RN

Em visita às obras do Complexo Cultural da Rampa nessa quarta-feira (23), a governadora Fátima Bezerra (PT) afirmou que o projeto do Complexo, que passa por reformas, deve ser entregues completamente ainda este ano.

“Este equipamento tem uma importância muito grande para o desenvolvimento do turismo, por seu valor histórico, cultural e de beleza natural. Significa o resgate da nossa história, quando destaca o nosso protagonismo durante a Segunda Guerra Mundial. Se Deus quiser, ainda em 2019, vamos entregar esta obra aos natalenses, ao Rio Grande do Norte e aos turistas que virão”, afirmou a governadora Fátima Bezerra.

O novo atrativo para moradores e turistas que visitam Natal fica no bairro de Santos Reis, zona Leste da capital potiguar, e foi inaugurado em dezembro de 2018. No entanto, as obra ainda estão 70% finalizadas, restando a conclusão de acabamentos, climatização, mobiliário, bem como a construção de um deck e píer.

O local histórico fará parte do novo roteiro turístico do RN, em projeto que será desenvolvido pelo Governo do Estado em parceria com o Sebrae, buscando movimentar o turismo e possibilitar o desenvolvimento dos entornos, como o bairro de Santos Reis, gerando emprego, renda e crescimento da economia.

Complexo Cultural da Rampa

O Complexo da Rampa contempla desde paisagismo, concepção visual e acústica, até questões relacionadas ao patrimônio histórico e museologia, como a restauração da base de hidroaviões de Natal.

O espaço conta com um museu e o memorial do aviador, com área para exposições temporárias e permanentes. O espaço em homenagem aos aviadores que passaram por Natal terá ainda auditório para 126 pessoas, café, restaurante, estacionamento para 85 carros e lojas de souvenir.

O museu da rampa está localizado à margem do rio Potengi, no local onde a capital potiguar sediou a maior base aérea americana fora dos Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial. Na época, quase 20% da população natalense era composta por militares americanos que influenciaram a cultura e costumes locais.

RECOMENDAMOS

DIREITO

🔊 Exame da OAB tem 676 inscritos para prova no RN

HOMENAGEM

Organizadores da Campus Party viram Cidadãos Natalenses

BRAVO

Agente prisional fica em 3° no Pan-americano de Judô

FUTEBOL

🔊 ABC pode ser rebaixado para a Série D neste domingo

SAÚDE

🔊 Centenas de pessoas passam por check-up vascular grátis em Natal

FOGO

🔊 Polícia queima quase 53 mil bonés piratas no RN

CP NATAL

Capacitação de servidores é destaque na Campus Party

TÁ PERTO

América define data para inaugurar estádio próprio

comentários