Geral

TRANSPORTE PÚBLICO

Tarifa Social de ônibus em Natal não será mais aceita em dinheiro

Mudança foi definida após reajuste na passagem; Corpus Christi, em junho, será primeiro feriado com nova forma

Por Redação

16 de maio de 2019 | 17:41

O aumento da passagem de ônibus em Natal não mudou apenas o valor de R$ 3,65 para R$ 4 – nos pagamentos em dinheiro – e R$ 3,90 – no cartão eletrônico. A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) alterou também o forma de pagamento da “Tarifa Social”, empregada nos feriados.

A partir do feriado de Corpus Christi, em 20 de junho, não será mais aceito o pagamento em dinheiro da Tarifa Social, que corresponde a metade do valor integral da passagem. Segundo a pasta, o desconto será oferecido apenas no embarque com o cartão eletrônico. Assim, o valor será de R$ 1,95.

“A maior parte dos usuários já utilizam o cartão, mas apenas nesse dia [feriado] tem que usar em dinheiro. Então, como ele compra antecipado, vai ter o benefício. A ideia é estimular o uso do cartão”, informou a STTU.

Ainda de acordo com a secretaria, a ideia de limitar o uso do dinheiro é dar mais agilidade ao deslocamento. “O uso do cartão agiliza o embarque, já que não há troco para ser passado. Além de diminuir a circulação de dinheiro dentro do ônibus, o que pode desestimular os assaltos”, acrescentou o órgão.

Linhas de bairro

Para as linhas de bairro, a nova tarifa será de 80% da tarifa inteira em espécie, ou seja, R$ 3,20 tanto para os pagantes em espécie ou em cartão eletrônico. A tarifa estudantil dessas linhas será R$ 1,60. As linhas de bairro são a 587 (Guarapes/Village de Prata), 593 (Circular Residencial Redinha) e 600 (Parque dos Coqueiros/Santa Catarina).

Nos feriados, para as linhas de bairro, a tarifa será de R$ 1,60 nos pagamentos em cartão eletrônico.

Confira os novos preços das tarifas de ônibus em Natal

 

RECOMENDAMOS

LUTO

Mundo político homenageia jornalista Allan Darlyson

OPERAÇÃO BROADWAY

PF investiga estelionato contra Caixa Econômica Federal

FUTEBOL

Tite afirma que seleção mereceu vaias na estreia

DINHEIRO

Governo do Estado inicia pagamento de junho na segunda

LUTO

Morre em Natal o jornalista Allan Darlyson

HOMOFOBIA CRIMINALIZADA

OAB vai excluir advogados agressores de LGBTI+

SEM CALOTE?

RN terá fórum de negociação com fornecedores

SEM ACORDO

Governo se reúne com policiais, mas parada está mantida

comentários