Política

AGRICULTURA

Tereza Cristina: Prioridade é rever contratos com exterior e acordos bilaterais

Secretaria de Pesca e Agricultura Familiar poderão integrar pasta

Por Lígia Formenti / Da Agência Estado

8 de novembro de 2018 | 13:48

Futura ministra da Agricultura no governo de Jair Bolsonaro, Tereza Cristina, dá entrevista na saída de sua residência em Brasília. Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

A deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS), que deverá assumir o Ministério da Agricultura a partir de janeiro de 2019, afirmou que um dos temas mais importantes para discussão em sua área são os contratos com O exterior, acordos bilaterais, sobretudo o mercado de carnes. “É um mercado importantíssimo para nosso País e temos alguns problemas acontecendo. Ainda é tudo muito novo.” Ela afirmou que deverá, ao longo dos próximos dias, ter reuniões com o setor e, na terça-feira, um outro encontro com o presidente eleito, Jair Bolsonaro.

Tereza Cristina afirmou que a Secretaria de Pesca e Agricultura Familiar pode ir para a sua pasta. O tema foi discutido com o presidente eleito, Jair Bolsonaro. “Aparentemente sim, mas ainda não foi definido “, disse.

RECOMENDAMOS

Chuvas no RN

Operação conjunta socorre população

LOTERIA

Mega-Sena acumula; próximo sorteio será de R$90 milhões

TORÓ

Ponte desaba, carro é arrastado e cidade fica 'isolada'

OBRA DE R$4,1 MILHÕES

Sabe como está reforma do Forte dos Reis Magos? Parada

ROLÉ DIFERENCIADO

Bolsonaro 'escapa' de hotel para dar voltinha de moto

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL

Veja essas dicas e coma chocolate sem culpa na Páscoa

OPERAÇÃO PELA VIDA

PMs impedem suicídio na Ponte

AUTOMÓVEL

Carros brasileiros ficam mais seguros e mais caros

comentários