Geral

EDUCAÇÃO

Veja como escolas públicas de Natal melhoraram a Educação Básica

Projetos foram apresentados na Câmara Municipal de Natal

Por Redação

10 de outubro de 2019 | 13:51

Frente Parlamentar apresenta projetos das escolas com maior IDEB em Natal. Foto: Verônica Macedo/CMNAT

Nesta quinta-feira (10), a Frente Parlamentar em Defesa da Educação Pública, coordenada pela vereadora Eleika Bezerra (PSL), levou para a Câmara Municipal de Natal as escolas com maior IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) na cidade. A professora e vereadora Eleika Bezerra (PSL) ressaltou que todas as escolas com bom desempenho têm em comum projetos consistentes, inclusão das famílias e inserção da leitura nas atividades. “Nós estamos então evidenciando e parabenizando essas escolas que têm as melhores médias, inclusive, para que as demais possam se inspirar no porquê que essas escolas se saem melhor e também possam obter êxito”, disse a parlamentar.

Professores, alunos e pais de alunos participaram da reunião da Frente, juntamente com representantes das secretarias de Educação do Estado e de Natal, IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas) e o vereador Dinarte Torres (PMB). A Escola Estadual Manoel Dantas, no Tirol, apresentou um exemplo de superação. Ela chegou a ser fechada em 2014, entre outras questões, pelo baixo índice no IDEB, que era 2.5. Com a implantação do projeto “Esquina do Conhecimento” que tem Equipe, Liderança e Família como pilares, a nota subiu para 5.6 em 2015 e 5.8 em 2017. “É possível uma escola pública de qualidade com empenho da equipe e clareza do que deve ser feito. São dez oficinas que funcionam no lugar de aulas tradicionais, substituindo o conceito de sala de aula. Trabalhamos para os alunos desenvolverem os objetivos estabelecidos em cada oficina”, explicou a coordenadora pedagógica, Cláudia Santa Rosa, que também representa o Conselho de Educação.

Já a Escola Carlos Bello Moreno, de Neópolis, aumentou o IDEB de 4.9 para 6.4. Um diferencial citado foi a preparação dos alunos no contraturno em um curso intensivo para a Prova Brasil, utilizada na avaliação do IDEB. Além disso, o projeto “Biblioteca: Sabores e Saberes” usa a literatura como carro-chefe das atividades. “Foi assim que conseguimos formar alunos leitores fluentes que dispensam o recreio para estar na biblioteca. Fazemos seminários de leitura, inclusive com autores infantis presentes”, conta a diretora administrativa da escola, Louise Jar.

Também em Neópolis, a leitura foi a base do projeto da Escola Municipal Arnaldo Monteiro Bezerra. O projeto começa na sala de aula e se estende às atividades externas nas disciplinas de artes, educação física e ensino religioso, por exemplo. Obras literárias são adaptadas para o teatro que os alunos apresentam. A escola insere a família nas atividades, como é o caso de Manoela Alves, que já tem o terceiro filho na escola, sendo que dois já passaram por lá. “Agradeço pelo aprendizado que a escola proporcionou. Muitos pais participam e a escola tem o cuidado em proporcionar essa interação para a família estar presente e participar, incentivando os alunos”, diz. O IDEB da escola é 6.1.

Além da família e da literatura, na Escola Municipal Antônio Campos, no bairro de Mãe Luíza, um aspecto interessante contribuiu para seu IDEB chegar a 6.3: a prática das atividades coletivas de planejamento. Os professores e coordenadores valorizam o tempo de planejamento e formação continuada em que avaliam, trocam experiências, debatem, estudam e propõem em cima do que já foi realizado. O resultado aparece além dos índices, na satisfação dos estudantes. “Na nossa escola temos vários projetos que ajudam no nosso desenvolvimento. Estou há cinco anos e só só venho progredindo, assim como meus colegas”, declarou a aluna Amanda Beatriz.

RECOMENDAMOS

PROGRAMAÇÃO

2° Passeio histórico na Ribeira acontece neste sábado

NEGÓCIOS DE FAMÍLIA

Cases do RN cativam em evento de empreendedorismo

OPORTUNIDADE

IEL-RN lança edital de processo seletivo

DESASTRE AMBIENTAL

Pesquisadores encontram óleo nos parrachos de Pirangi

ACIDENTE

Avião cai no meio da rua em Belo Horizonte

COMBATE AO SUICÍDIO

Órgãos da Prefeitura de Natal deverão divulgar CVV

CEARÁ-MIRIM

Ronaldo se candidata a prefeito com apoio dos grandes

CRISE NO VIZINHO

Protestos violentos no Chile deixam 7 mortos

comentários