Geral

CRÍTICA

Vereadores reagem a corte de verba que inviabilizou terminal turístico da Redinha

Deputados decidiram cortar R$ 24 milhões que seriam utilizados na obra

Por Redação

5 de abril de 2019 | 06:19

Após o anúncio do corte de verbas para a revitalização da Redinha, vereadores de Natal se posicionaram contra a medida. Um terminal turístico seria construído no principal cartão postal do litoral norte da capital.

Em pronunciamento na Câmara Municipal de Natal, a vereadora Nina Souza (PDT) criticou, nessa quinta-feira (4), a bancada federal por retirar os recursos de emenda ao orçamento para as obras de infraestrutura que seriam realizadas na Redinha.

“Sabemos da situação econômica do País. A Prefeitura tem feito um grande esforço para pagar aos servidores em dia. Não tem recursos para investimentos. Então, quando tem uma emenda, nossa bancada retira. Isso é inaceitável”, discursou.

Nina lembrou ainda que o Turismo é a principal atividade econômica de Natal e que o investimento, que seria na praia da Redinha, iria gerar emprego e renda no município.

O vereador Kleber Fernandes (PDT) teve discurso semelhante. Ele fez duras críticas à decisão da maioria da bancada federal do RN.

“O povo natalense foi apunhalado pelas costas por nossa bancada federal. O que estes parlamentares mostraram foi uma imensa falta de compromisso e uma total irresponsabilidade com a nossa capital, que tem no turismo sua principal atividade econômica. Lamentavelmente com essa atitude de alguns deputados e senadores, Natal não terá a condição de implementar e efetivar a construção do novo Terminal Turístico da Redinha que, não tenho dúvidas teria condições de operar grandes e importantes transformações econômicas e sociais naquela parte da cidade”, desabafou o vereador.

Em reunião realizada na quarta-feira (3), em Brasília, os deputados federais Rafael Motta, Benes Leocádio, Beto Rosado, Fábio Faria, General Girão e João Maia decidiram cortar a emenda que destinaria recursos da ordem de R$ 24 milhões para a construção do novo Terminal Turístico da Redinha. Além dos deputados, também votaram a favor da derrubada da emenda, os senadores Zenaide Maia e Styvenson Valentim.

RECOMENDAMOS

NOVO REGIME

Governo assina com aéreas redução de imposto para QAV

ARTE

Exposição põe na balança ego e moralidade

SISTEMA FIERN

Coere discutirá licenciamento de projetos fotovoltaicos

SALVANDO VIDAS

Hemonorte realiza campanha de doação de medula óssea

PROTESTO

Policiais civis fazem paralisação nesta terça-feira

HEROICO

Bombeiro do RN cumpre missão humanitária em Moçambique

COPA AMÉRICA

Jogos de hoje definem adversário do Brasil nas quartas

GRADE DE CURSOS

Fecomércio RN realiza Fórum de Aprendizagem de Natal

comentários